Nesta segunda (18), CRB visita o Vila Nova precisando vencer para voltar ao G-4

Confronto é válido pela 31ª rodada e começa às 20h (de Brasília), com transmissão em Tempo Real da Gazetaweb

O CRB encara o Vila Nova, nesta segunda (18), em jogo válido pela 31ª rodada da Série do Brasileiro. A partida será às 20h, no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga (OBA), em Goiânia. O Galo ocupa o 5º lugar, com 49 pontos, e busca a reabilitação na competição. O Tigre é o 13º, com 38, melhorou desempenho no campeonato, mas vem um pouco mais cansado.

Cenário

O Regatas não vence há três jogos - dois empates e uma derrota -, e o Tigrão não perde há cinco, com três vitórias e dois empates nesse período. Na última rodada, ambos empataram por 2 a 2 e subiram um posição na tabela. O Galo recebeu o Guarani em casa, em confronto direto pelo G-4.

Após sofrer dois gols no começo, mostrou poder de reação e deixou tudo igual nos acréscimos. Júnior Brandão diminuiu aos 32, e Wesley igualou o marcador aos 47, de pênalti. Pela circunstância da partida, o resultado não foi tão negativo.

O Time do Povo visitou o Ge Brasil, fora de casa, em partida que começou na sexta e terminou no sábado por causa de queda de energia elétrica em Pelotas, na etapa inicial. Rafael Silva e Oliveira, no primeiro dia, marcaram para o time de Higo Magalhães.

Porém, no segundo, a Xavante conseguiu igualar o marcador. Apesar do vacilo, o Tigre somou o 12º ponto contra o Lanterna, nos últimos 15 disputados, e, agora, quer vingar a derrota sofrida para o time alagoano, por 2 a 1, pela 12ª rodada, no dia 18 de julho.

CRB

Allan Aal conta com duas peças importantes para o duelo: Diego Torres e Caetano. O meia e o zagueiro, nesta ordem, cumpriram suspensão na sexta e estão à disposição. Já Roberto torceu o joelho direito e Ewerton Páscoa é opção para atuar na zaga. No meio, Renan Bressan, que jogou no lugar do camisa 10 regatiano, deve começar no banco.

Zagueiro Caetano está à disposição de Allan Aal para ajudar o CRB contra o Vila Nova - Foto: Reprodução/Sportv

Claudinei, que vem numa sequência de cinco jogos como titular, segue no meio de campo na posição de Marthã, que é qualificado, mas não está em um bom momento. O Galo tem dez atletas pendurados, com dois amarelos, para a partida: Alexandre Melo, Alisson Farias, Claudinei, Diogo Silva, Ewandro, Gum, Guilherme Romão, Júnior Brandão, Reginaldo e Nicolas Careca.

Allan confia no grupo e na recuperação do Galo: "Sabemos que estamos no caminho certo, precisamos fazer alguns ajustes, o que é natural, mas principalmente é manter o foco, a confiança, faltam oito partidas e vamos brigar pelo acesso".

A tendência é que o Galo entre em campo com: Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Caetano e Guilherme Romão; Claudinei, Jean Patrick e Diego Torres; Pablo Dyego, Jajá e Nicolas Careca.

Vila Nova

Georgemy desfalcou o Vila contra o Ge Brasil, mas retorna ao gol nesta segunda - Foto: Douglas Monteiro / Vila Nova

O goleiro Georgemy, o lateral esquerdo Bruno Collaço e o atacante Pedro Júnior retornam de suspensão e estão à disposição do treinador. O volante David, um dos destaques na subida de produção da equipe no esquema com três volantes, ainda é dúvida, pois foi vetado pelo departamento médico, por lesão no joelho, na quarta (13).

Assim, Pedro Bambu segue como substituto da vaga. Semelhantemente, William Formiga, titular contra o Remo, é opção para reforçar o sistema defensivo ao longo da partida, e Fabrício volta a ser a segunda opção no gol.

No ataque, Diego Tavares costuma entrar no lugar de Kelvin, e Maná ocupa a vaga de Alesson. Assim, a provável escalação do Vila tem: Georgemy; André Krobel, Renato Silveira, Rafael Donato, Willian Formiga; Arthur Rezende, Moacir; Dudu, Kelvin, Rafael Silva e Alesson.

Arbitragem

Diego Pombo Lopez apita o jogo auxiliado por Edevan de Oliveira Pereira e Jucimar dos Santos Dias (todos da Bahia). Victor Lucas Pereira Silva, de Goiás, será o quarto árbitro e Frederico Soares Vilarinho, de Minas Gerais, opera o VAR, com assistência de Silvia Regina de Oliveira, de São Paulo.