Mozart Santos, Gabriel e CIA: confira as renovações do CSA para 2022

Manter parte da base titular que brilhou em campo, no ano de 2021, é uma das estratégias do Azulão para disputar títulos em 2022

Visando conquistar títulos em 2022, o CSA não está apenas contratando novas peças, mas também renovando. Alguns atletas considerados peças importantes no elenco desta temporada, tiveram seus contratos ampliados e vão defender a equipe no ano que vem.

Até o momento, a diretoria azulina manteve o técnico Mozart Santos, o goleiro Pedro Caracocci, os volante Geovane e Gabriel Tonini, o lateral-esquerdo Ernandes, os meias Gabriel e Yann Rolim, e os atacantes Rodrigo Rodrigues e Marco Túlio.

Além deles, mantêm contrato com o CSA o meia Didira, o atacante Clayton, o zagueiro Lucas Dias e o meia Bruno Mota. E ainda tem os mais jovens revelados pelo clube. São eles: o zagueiro Tito, o volante Zé do Carmo, o goleiro Igo Gabriel e o atacante Wallace.

Em contrapartida, também saíram jogadores de peso, como o goleiro Thiago Rodrigues, o volante Yuri e os centroavantes Dellatorre e Iury Castilho, fundamentais na campanha de quase acesso na Série B do Brasileiro.

Números em 2021 de algumas peças

Mozart está em sua segunda passagem no time marujo. Somando todas, ele fez 60 jogos, com 31 vitórias, 21 empates e 11 derrotas. Caracocci renovou para compor o elenco após passagem em branco em 2021.

Já Geovane se firmou como titular após a chegada de Mozart e foi o garçom da equipe em 2021, com cinco assistências. Ernandes também agradou, atuando pelo lados do campo, e vai para sua segunda temporada no time alagoano.

Por sua vez, Gabriel foi o líder de assistências na Segundona, com nove passes para o gol, além de ter balançado a rede seis vezes. Já Gabriel Tonini não brilhou muito no Campeonato Brasileiro, mas conquistou o Campeonato Alagoano em maio. Ao todo, fez 26 partidas e anotou um tento.

Na sequência, Rolim passou em branco, assim como Rodrigo Rodrigues. O mesmo não se pode falar de Marco Túlio. Além do Alagoano em 2021, o atacante se destacou na reta final da Série B, a ponto de quatro gols - outros três foram na Copa do Brasil.