Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
X
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

Lateral do CRB, Reginaldo afirma que Clássico das Multidões não tem favoritos

Jogador prega respeito ao CSA e afirma que será um jogo diferente, porém, reconhece importância da vitória

O clima do Clássico das Multidões já começa a criar aquela expectativa que antecipa o confronto. Tanto torcedores do CSA, quanto do CRB, fazem sua parte, brincam, argumentam, apoiam, para que seus clubes busquem a vitória no clássico.

Porém, dentro das equipes, o discurso é um pouco diferente. Reginaldo, lateral esquerdo do Galo da Praia, comentou sobre o confronto desta quarta-feira (1º). O jogador afirmou ser uma partida diferente, e mais, que não tem favoritos.

Leia também

"Clássico é clássico, é um jogo diferente e que não tem favoritos. Estamos muito motivados para fazer um grande jogo contra o CSA para buscarmos os três pontos. Um triunfo em um confronto como este vai dar ainda mais confiança para todos visando à sequência da temporada", opinou.

Com a sequência de vitórias, contra Londrina e Sport, nesta ordem, o time regatiano tem crescido dentro da Série B do Brasileiro. Reginaldo disse que era o que o elenco estava precisando e o trabalho deve seguir para buscar a proximidade do G4.

"Tivemos duas vitórias muito importantes nas duas últimas rodadas da Série B e isso foi importante para o grupo. Estávamos precisando disso. Agora é buscar manter este ritmo forte para vencermos mais jogos nesta sequência para encostarmos no G4", disse.

Com uma distância considerável para o grupo dos quatro primeiros colocados na tabela, o clima é de otimismo com duas vitórias seguidas e a defesa sem ser vazada. Atualmente, o primeiro time do G4 é o Sport, com 15 pontos conquistados.

"Estamos com dez pontos e a cinco do G4. Queremos diminuir esta distância. Isso vai ser importante, mas vamos pensar passo a passo, jogo a jogo, sem ansiedade. O grupo sabe do potencial que tem", finalizou.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas

X