Há cinco jogos sem vencer, CRB recebe o Sampaio Corrêa em Maceió, nesta quinta (4)

Duelo é válido pela 33ª rodada e começa às 21h30. Galo está perto do G-4, enquanto o Tubarão luta contra a zona de rebaixamento

O CRB enfrenta o Sampaio Corrêa, nesta quinta-feira (4), pela 33ª rodada da Série B Campeonato do Brasileiro 2021. A partida começa às 21h30, no Rei Pelé, em Maceió. O Galo é o 6º colocado, com 51 pontos, e busca uma vaga no G-4. Por outro lado, o Tricolor é o 13º, com 40, e luta contra a zona da degola.

Na última semana, o Regatas empatou em casa contra o Coritiba, por 1 a 1, e perdeu para o Moto Club, pela fase eliminatória da Copa do Nordeste. Já o Tubarão foi derrotado pelo o Guarani, por 1 a 0, no Castelão. Já no primeiro turno, os alagoanos ganharam, por 3 a 2, fora de casa, mesmo com o time reserva.

A vitória, aliás, foi a oitava dos regatianos em 17 confrontos realizados até então. O Sampaio venceu cinco e marcou 23 vezes, contra 28 bolas na rede do Galo da Pajuçara. Ainda, houve mais quatro empates, sendo três, por 1 a 1, consecutivos, e outro, por 2 a 2, no returno da Segundona de 2020.

Cenário

O CRB precisa da vitória para tentar voltar ao G-4 e conseguir uma arrancada nesta reta final do campeonato. Já são cinco partidas sucessivas de jejum na competição e oito na condição de mandante. O último triunfo em casa foi contra o Brusque, pela 17ª rodada. Em Maceió, na terça (26), recebeu o líder Coritiba e empatou, por 1 a 1.

Depois de um primeiro tempo de domínio do Galo, no segundo, Gum abriu o marcador de cabeça, aos quatro minutos, em assistência de Diego Torres, porém, Igor Paixão deixou tudo igual logo em seguida. Em suma, o resultado não foi bom para nenhum dos dois times, considerando suas pretensões no campeonato.

Jogadores do CRB comemoram gol de Gum contra o Coritiba. Duelo terminou 1 a 1 - Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas

O Tubarão vive um pesadelo na competição. Isso porque tem a pior campanha no returno. Em 13 jogos até agora, somou apenas 10 pontos, fruto de quatro empates e duas vitórias. Nos outros sete compromissos, saiu de campo derrotado, sendo cinco baixas longe do Castelão.

O rendimento em queda livre fez a diretoria anunciar o retorno do treinador João Brigatti, após demitir Felipe Surian, depois de perder para o Guarani na rodada passada, por 1 a 0, em seus domínios. A meta, agora, é vencer para não perder posições ao longo da rodada.

João Brigatti está de volta ao comando técnico do Sampaio Corrêa - Foto: Elias Auê

CRB

No começo da semana, a diretoria do clube anunciou o desligamento dos atacantes Alisson Farias, Ewandro, Erik e Vitão. Eles não conseguiram se firmar no Regatas. Porém, a principal dúvida de Allan Aal é na lateral esquerda.

Guilherme Romão sofreu entorse no tornozelo, passou por exame, começou trabalho de fisioterapia, mas ainda é dúvida. Além disso, Alexandre Melo vai cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo. À vista disso, o comandante pode escalar o meia Carlos Jatobá ou lateral direito Celsinho na posição.

Para enfrentar o Cruzeiro, Regatas tem o retorno de Guilherme Romão - Foto: Gustavo Henrique/Ascom CRB

Nas demais posições, a tendência é que a base titular seja mantida, tendo em vista que muitos não enfrentaram o Moto Club. Apesar da queda de rendimento da equipe, Romão está confiante na vitória: "Nós estamos firmes na briga pelo acesso. Claro que muita coisa vai acontecer, mas afunilou e temos que ser perfeitos até o fim. Não tem outra opção: é vencer ou vencer".

Neste sentido, um provável CRB para esta quinta tem: Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Caetano e Guilherme Romão (Celsinho ou Jatobá); Claudinei, Jean Patrick e Diego Torres; Pablo Dyego, Jajá e Nicolas Careca.

Sampaio Corrêa

Brigatti tem um grande desafio em Maceió: montar a equipe sem quatro atletas titulares. O volante Ferreira está suspenso, e Alyson (lateral esquerdo), Watson (lateral direito) e Eloir estão lesionados. Assim, é possível que Maurício ocupe o setor direito e Mascarenhas, o canhoto. No meio de campo, Baraka e Márcio Araújo disputam uma vaga. Na defesa, Luiz Daniel pode perder posição para Mota, e Joécio ganhar a titularidade de Alan Godói.

Luís Gustavo falhou na derrota do Sampaio para o Guarani e foi dispensado do Tubarão - Foto: John Tavares

De certo, o clube não conta mais com o lateral direito Luís Gustavo, expulso contra o Guarani, em um lance de pênalti, que resultou na derrota do time. O jogador participou de muitos lances que prejudicaram o Tubarão na temporada, e a diretoria confirmou a saída do atleta no sábado (30).

Vencer em Maceió é fundamental para a equipe não entrar nas últimas rodadas apavorada pelo fantasma do rebaixamento. Diante disso, a provável formação do Sampaio tem: Luiz Daniel (Mota); Maurício, Alana Godói (Joécio), Nilson Júnior e Matheus Mascarenhas; Betinho, Márcio Araújo (Baraka) e Nádson; Roney, Pimentinha e Ciel.

Arbitragem

O trio de arbitragem principal é da Federação de Minas Gerais. Paulo César Zanovelli da Silva vai apitar a partida, juntamente com os assistentes Celso Luiz da Silva e Felipe Alan Costa de Oliveira. Francisco Carlos do Nascimento, de Alagoas, será o quatro árbitro, e Frederico Soares Vilarinho, também de BH, opera o VAR.