Em má fase e com o Z4 mais próximo, CRB tenta recuperação na Série B contra o Grêmio

Dentro de casa, time regatiano tenta afastar período de três partidas sem vencer, porém, precisa quebrar longa invencibilidade gaúcha

Neste sábado (13), a 24ª rodada da Série B do Brasileiro tem prosseguimento. O CRB entra em campo, de volta ao Estádio Rei Pelé, em Maceió, para tentar acabar com a fase ruim, já que acumula três confrontos sem vitórias. Porém, o desafio não será nada fácil, uma vez que o adversário será o Grêmio, atual vice-líder da competição. O duelo entre alagoanos e gaúchos inicia às 20h30.

Como chegam?

O Galo chegou à sua segunda derrota em três jogos, na última quarta (10). Pior, acabou sendo superado pelo lanterna Náutico, o que freou as pretensões mais ambiciosas no ambiente regatiano. Atualmente, o CRB está na 12ª colocação da Série B, com 29 pontos. Inclusive, a proximidade em relação à zona de rebaixamento diminuiu bastante, mantendo o foco alvirrubro na permanência.

No último jogo dentro de casa, CRB ficou apenas no 1 a 1 com a Ponte Preta - Foto: Ailton Cruz

Por outro lado, o Grêmio defende uma invencibilidade histórica. Com apenas duas derrotas nas 23 rodadas anteriores, o Tricolor Gaúcho está invicto há incríveis 17 partidas. Tal feito deixa o time na 2ª posição da Segundona, já com 43 pontos. Além disso, a vantagem gremista para o 5º colocado é de 10 pontos, o que deixa a torcida muito otimista pelo acesso.

CRB

A última derrota do Galo doeu, mas trouxe um choque de realidade para os regatianos. Além de acumular a segunda pior defesa da Segundona, os tropeços contra Vasco, Ponte Preta e Náutico deixaram claro que o primeiro objetivo da temporada é escapar do rebaixamento. Para isso, os matemáticos calculam algo em torno de 44 e 46 pontos.

Para enfrentar o Imortal, o técnico Daniel Paulista tem diversos problemas. O primeiro deles é que, provavelmente, não terá sua defesa titular, mais uma vez. Gilvan encontra-se no período de transição e não deve ser escalado, assim como Guilherme Romão. Quem segue com o retorno provável é o capitão Gum, que está numa fase de recuperação mais avançada.

Gabriel Conceição é o substituto direto para o suspenso Anselmo Ramon - Foto: Ailton Cruz

Já Wallace e Raul Prata não jogam, pois passam por problemas físicos um pouco mais sérios. As dúvidas são Yago, Emerson Negueba e Marthã. Todos eles foram substituídos do último jogo relatando alguma dor. Entre os três, o que parece ter um problema mais grave é Marthã. Contudo, o CRB não divulgou a lista de relacionados, tampouco a situação dos jogadores.

Mesmo com tantas lesões, o principal desfalque é o artilheiro Anselmo Ramon. Expulso contra o Timbu, ele deverá dar lugar a Gabriel Conceição. A escalação deve sofrer modificações e seguir uma postura defensiva. O principal retorno deve ser de Longuine, no meio. Assim, o Galo deve jogar com: Diogo Silva; Reginaldo, Wellington Carvalho, Iago Mendonça (Gum) e Guilherme Lopes (Guilherme Romão); Claudinei, Yago e Rafael Longuine; Fabinho (Emerson Negueba), Paulinho Moccelin e Gabriel Conceição.

GRÊMIO

Convivendo com altos e baixos, após a surpreendente queda em 2021, aparentemente, o Grêmio conseguiu encontrar seu melhor estilo de jogo. Na última rodada, venceu o Operário, por 5 a 1, dentro de casa, o que encheu a torcida de esperança. Inclusive, a equipe já não perde há 17 confrontos na Segundona e defende a invencibilidade para tentar alcançar o líder Cruzeiro.

Contra o Galo, o técnico Roger Machado não terá a presença dos laterais Edilson e Nicolas. Desses, apenas o último é titular. Com isso, Diogo Barbosa deve aparecer como solução pela ala esquerda, já que foi o único relacionado. Na direita, o titular Rodrigo Ferreira segue sem nenhum problema.

Roger Machado pode optar por um Grêmio mais ofensivo contra o CRB - Foto: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Na nova formação de Roger, o time vem jogando de uma forma ofensiva, principalmente com a participação de Campaz. Para acompanhar o colombiano, a escalação do meio ainda deve contar com o paraguaio Villasanti e o experiente Lucas Leiva, que aos poucos vai conquistando ritmo de jogo.

No Rei Pelé, a postura pode ser um pouco mais cautelosa, mas investindo muito no contra-ataque. O zagueiro Kannemann segue sendo o desfalque mais importante, há um bom tempo. Por isso, a escalação do Imortal deve ter: Brenno; Rodrigo Ferreira, Pedro Geromel, Bruno Alves e Diogo Barbosa; Villasanti, Lucas Leiva (Thaciano) e Campaz (Bitello); Biel, Guilherme e Diego Souza.

Arbitragem

Vinicius Gonçalves Dias Araujo (CBF/SP) é o árbitro do embate em Maceió. Ao seu lado, em campo, estarão Luiz Alberto Andrini Nogueira (CBF/SP) e Leandro Matos Feitosa (CBF/SP), como bandeirinhas. O 4º árbitro será José Ricardo Vasconcellos Laranjeira (CBF/AL). Já como VAR, a função será de Adriano de Assis Miranda (CBF/SP), enquanto Fábio Rogério Baesteiro (CBF/SP) será seu assistente.