Em desespero, ASA tenta se afastar da lanterna do Grupo A4, fora de casa, contra o Sergipe

Time arapiraquense vem sofrendo com atuações ruins e tem chances remotas de classificação na Série D

Chega mais um final de semana e a torcida do ASA vive a expectativa para ver uma boa atuação da equipe. Depois de perder em casa para o Retrô, o Gigante viajou para encarar o Sergipe, neste domingo (8), às 16h, na Arena Batistão, em Aracaju. Na vice-lanterna do grupo, uma vitória deixaria os ânimos mais calmos em Arapiraca, porém, para os sergipanos, uma vitória aproxima ainda mais da classificação.

Panorama

Em situação completamente crítica, a condição do ASA na Série D só piora a cada rodada. No último final de semana a equipe voltou a ser derrotada dentro do Coaracy da Mata, mesmo com um jogador a mais contra o Retrô. A derrota estancou o time na 7ª colocação, com míseros seis pontos. A pontuação é tão baixa que, mesmo vencendo, o Fantasma não sai da atual posição.

Alvinegro sofreu mais uma dura derrota na última rodada - Foto: Remir Laranjal - Ascom ASA

Depois que o Sergipe perdeu em casa para a líder Juazeirense, as coisas pareceram se estabilizar para o atual campeão sergipano. O Colorado conseguiu dois empates como visitante e uma vitória dentro de casa, o que fez alcançar 15 confortáveis pontos e a 4ª posição do Grupo A4. Os sergipanos, inclusive, têm uma gordura de quatro pontos em relação ao quinto colocado.

ASA

Os problemas alvinegros não são novidade para ninguém, porém, seguem se estendendo para dentro das quatro linhas. Contra o Retrô, a equipe voltou a sofrer com um ataque pouco produtivo e, mesmo quando teve um jogador a mais em campo, não conseguiu levar grandes sustos para os pernambucanos.

O ASA, inclusive, já tem problemas confirmados para o jogo contra o Sergipe. Duas peças titulares e providenciais no time de Ademir Fonseca, Chiquinho Alagoano e Zé Wilson já são baixas confirmadas no Gigante, por terem levado três cartões amarelos. Seus substitutos devem ser Joaninha e Valdeir.

Com folga na segunda-feira (2), Fantasma treinou visando a partida - Foto: Ascom/ASA

Por isso, o time que Ademir Fonseca deve escolher, apesar dos desfalques, deve ser: Dida; Joaninha, Marcelo, Caíque Baiano e Willams; Olívio, Johnnathann e Valdeir; Fernandinho (Biro-Biro), Gabriel e Daivison.

Sergipe

O retrospecto do Sergipe contra o ASA é muito positivo. São quatro vitórias em oito partidas realizadas na história. No primeiro turno, o Gipão bateu o ASA, por 3 a 1, em pleno Coaracy da Mata Fonseca, sendo essa a única vitória sergipana como visitante nesta Série D.

A experiência de Elias Borges tem sido um dos principais fatores para a boa campanha colorada. Prezando pela boa consistência defensiva, o Sergipe tem a segunda melhor defesa do grupo, com apenas seis gols sofridos. O último gol que levou foi em 11 de junho, na derrota para a Juazeirense.

Sergipe conseguiu ponto importante, fora de casa, contra a líder Juazeirense - Foto: Bruno Lopes/Juazeirense

Para tentar manter a sua boa sequência e conseguir a classificação de uma vez por todas, Elias Borges ainda deve ter o reforço do zagueiro Hitalo Rogério, porém, Hiago, Brendon e Pedrinho não devem jogar. O Sergipe para enfrentar o ASA deve ser: Igor Rayan; Da Silva, Lazarini (Hitalo Rogério), Júlio Pit e Júlio Lima; Ewerton Ageu, Ninho, Diego Aragão e Elivelton; Luizinho e Paulinho.

Arbitragem

Jardiel da Rocha Soares (CBF/PI) será o comandante do apito na partida. Daniel Vidal Pimentel (CBF/SE) será o primeiro assistente, ao lado de Tâmara Nayara Muhlstedt Souza (CBF/SE). O quarto árbitro também será da Federação Sergipana de Futebol, com Marcel Phillipe Santos Martins (CBF/SE).