Eleições para a presidência do CSA serão no dia 20 de dezembro

Candidaturas ao pleito devem ser confirmadas até o próximo dia 15 de dezembro

Nessa terça-feira (6), os conselheiros do CSA realizaram uma reunião extraordinária no Nelson Peixoto Feijó, em Maceió. Apesar do encontro ter algumas polêmicas, a reunião também tratou de assuntos futuros, no tocante as próximas eleições. Como Omar Coêlho renunciou o cargo de presidente, o Conselho Deliberativo convocará novas eleições. Segundo Mírian Monte, o pleito deverá ser no dia 20 de dezembro.

Assim, qualquer pessoa apta poderá concorrer. Em um primeiro momento, o ex-presidente Rafael Tenório afirmou que não quer concorrer ao cargo. Contudo, caso não haja um candidato que ele não julgue capacidade, há chances sim de lançar seu nome. Por enquanto, ninguém se colocou como possível candidato.

As chapas concorrentes deverão apresentar-se até o dia 15 de dezembro. Durante a reunião, foi confirmada as formações da comissões de apuração, do acompanhamento de obra, além da Comissão Permanente de Normatização. Conselheiros se voluntariaram para fazer parte destas comissões.

Em relação à Comissão Eleitoral, a Presidente Executiva Interina, Mirian Monte, concedeu 72 horas para apresentação de planejamento da eleição. Cerca de 60 conselheiros natos estiveram presentes no encontro.

Sobre a temporada 2023 que está cada dia mais próxima, o presidente afastado do conselho Rafael Tenório se pronunciou, lembrando não apenas de sua trajetória no clube, mas também tranquilizando quem estava presente informando que o planejamento para o ano seguinte está caminhando.