Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > ALAGOANO

Dínamo cria chances, perde pênalti, mas só fica no 0 a 0 com o Miguelense na Copa Alagoas

Mesmo com um jogador a menos, Siri consegue ser superior, porém, não passa pela defesa do Verdão

O encerramento da 4ª rodada da Copa Alagoas foi com muita emoção. No Estádio da Ufal, em Maceió, Miguelense e Dínamo se enfrentaram em um duelo decisivo. Entretanto, o que se viu foi um confronto com amplo domínio do Siri, que por pouco não saiu com a vitória. O Verdão, que se segurou na defesa, ficou com o 0 a 0, conquistando seu primeiro ponto na competição.

O resultado foi importante para o Miguelense que, enfim, conseguiu fazer um ponto na Copa Alagoas. Com isso, o time de São Miguel do Campos ganhou uma posição no Grupo A, ultrapassando o Zumbi, único que segue zerado. O Miguelense é o sexto colocado.

Leia também

Por outro lado, o Dínamo se complicou na briga por uma vaga no mata-mata. Agora com quatro pontos, o Siri é o sexto colocado do Grupo B, três pontos atrás do primeiro time do G4, que é o Murici, com sete pontos.

Resumão

Apesar de jogar como mandante, o Miguelense entrava em campo como franco atirador. Dono da pior campanha, o que se viu na partida foi uma pressão absurda do Dínamo, durante todo o confronto. Aos 13', Ruan teve uma chance boa, mas chutou fraco. Com 15', Jemerson apareceu na jogada aérea, obrigando o goleiro Daniel a salvar.

A pressão seguiu facilmente, porém, sem balançar as redes. O lado do Dínamo só veio a piorar aos 10 minutos do segundo tempo. O zagueiro Manoel, acabou escorregando quando tinha a posse de bola. O problema é que foi bem na entrada da área, obrigando o zagueiro a fazer uma falta na sequência. A arbitragem não teve dúvidas e expulsou o camisa 3 do Tricolor.

Porém, o panorama do confronto não mudou, e seguiu com a pressão do Dínamo. A melhor chance real de gol veio aos 38 minutos do segundo tempo. O Siri teve um pênalti marcado ao seu favor, cometido pelo goleiro Daniel. Entretanto, o arqueiro foi do céu ao inferno, já que conseguiu defender a penalidade cobrada por Michael, segurando o 0 a 0.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas