Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > ALAGOANO

Decisão: em Arapiraca, ASA e CSE fazem partida de volta da seletiva por vaga na Copa do Brasil 2022

Time palmeirense venceu o jogo de ida por 2 a 1 e depende apenas de um empate para conseguir sua vaga

Tem mais clássico neste meio de semana em Alagoas. Jogando no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, ASA e CSE fazem um Clássico do Interior histórico, no jogo de volta da seletiva para a Copa do Brasil, nesta quarta (26), às 16h. Depois de ter sido derrotado de virada na partida de ida, o ASA precisa, pelo menos, vencer o clássico por dois gols de diferença; e o Tricolorido só depende de um empate. Em caso de vitória do Alvinegro por um gol de diferença, haverá cobrança de pênaltis.

Depois do fim da Copa Alagoas, o CSE se destacou com a principal força do interior em 2021. Já classificado para a Série D 2022, o time palmeirense segue com muita fome, agora, para buscar uma vaga na Copa do Brasil. Levado por gols de Alan James e Renato, o time virou a partida de ida e quebrou um tabu histórico contra o rival.

Leia também

Do lado arapiraquense, Ademir Fonseca perdeu sua invencibilidade no comando alvinegro, porém, acredita que o ASA possa virar o confronto. Cheio de desfalques, o experiente treinador vai precisar inovar, para fazer o Alvinegro voltar à Copa do Brasil após três anos. Além disso, o Gigante defende um 2021 sem derrotas dentro do Coaracy.

ASA

A derrota no fim de semana parece ter abalado a equipe alvinegra, e a atuação foi vista com maus olhos pelo técnico Ademir Fonseca. O time foi vítima da bola aérea perigosa do CSE, com dois gols pelo alto, por isso, o treinador vai precisar fazer ajustes para esta partida. Porém, Zé Wilson é a novidade e pode voltar ao time.


				
					Decisão: em Arapiraca, ASA e CSE fazem partida de volta da seletiva por vaga na Copa do Brasil 2022
Ademir Fonseca preparou a equipe para o último clássico da temporada. Reprodução/Instagram ASA

O prejuízo da última partida foi muito além da derrota, já que o ASA perdeu jogadores pelo terceiro cartão amarelo. Foi o caso de Lázaro, um dos destaques da equipe. Além dele, o atacante Gabriel e o meia Thiago Potiguar também ficam de fora do confronto, deixando uma grande dor de cabeça para o treinador.

Mesmo com os desfalques, Ademir Fonseca sabe que precisa ir com tudo pra cima do rival, por isso, a escalação do ASA deve ser a seguinte: Dida; Jonas, Caíque Baiano, Marcelo e Ítalo; Johnnathan (Zé Wilson), Dinda e Carlos Magno; Adailson, Vinícius (Fernandinho) e Edson Kappa (Daivison).

CSE

O momento do CSE é mágico nessa reta final do primeiro semestre. Até aqui, o time sofreu apenas uma derrota nas últimas 12 partidas, uma das grandes marcas em 2021. Levados com o poder de definição de Alan James, o time conseguiu mais uma importante vitória na partida de ida.


				
					Decisão: em Arapiraca, ASA e CSE fazem partida de volta da seletiva por vaga na Copa do Brasil 2022
Sem competições no segundo semestre, o CSE fez seu último treino na temporada. Ítalo Ramon/CSE

A tendência é que Jaelson siga uma máxima no futebol: "em time que tá vencendo, não se mexe", e o treinador não tem muitos motivos para isso. A única alteração no último jogo foi o retorno do meia Dakson, peça fundamental para o meio-campo. Apenas Emerson, suspenso, e Evandro, no DM, serão os desfalques.

Por isso, Jaelson deve repetir o time que venceu o primeiro jogo: Alexandre; Renato, Eduardo Bahia, Cristiano (Jan Pieter) e Jackson; Jair Amaral, Everlan e Dakson; Cleiton (Stuart), Luizinho e Alan James.

Arbitragem

No apito teremos Jonata de Souza Gouveia (CBF). Ele terá as assistências de Ruan Luiz de Barros Silva (CBF) e Ana Paula dos Santos (CBF). Fora das quatro linhas, Felype Wanderley Uruba (FAF) será o quarto árbitro e Lydia Pollyana Castela (CBF), a analista.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas