Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > ALAGOANO

CSA sai na frente, mas cede empate ao São Paulo no Morumbi: 1 a 1

Bustamante marcou para o Azulão, que passa a somar 16 pontos, mas segue em 18º lugar; e Tricolor chegou à igualdade com Reinaldo

O CSA até que tentou, saiu na frente no marcador, resistiu enquanto pôde, mas não conseguiu segurar a pressão do São Paulo e, no finalzinho da partida, cedeu o empate por 1 a 1, no Estádio do Morumbi, na noite deste domingo (15). A partida foi válida pela 19ª rodada, a última dos jogos de ida do Campeonato Brasileiro da Série A.

Héctor Bustamante abriu o placar para o Azulão, aos 9 minutos do segundo tempo; já Reinaldo fez o gol da igualdade para o time tricolor, aos 41 minutos, também da segunda etapa.

Leia também

Veja como foi a partida em Tempo Real!

Com este resultado, o Azulão segue sem vencer o São Paulo na história dos confrontos entre ambos. Com este jogo, são quatro vitórias do Tricolor e quatro empates. O time azulino agora passa a somar 16 pontos e segue na 18ª posição na tabela. Enquanto o Tricolor, soma 32 pontos e ocupa a 6ª colocação.

O próximo jogo do CSA será contra o Ceará, no domingo (22), às 16 horas, no Estádio Rei Pelé. E o São Paulo vai enfrentar o Botafogo, no Engenhão, um dia antes, sábado (21) pela manhã, às 11 horas.

Etapa inicial


				
					CSA sai na frente, mas cede empate ao São Paulo no Morumbi: 1 a 1
FOTO: Marcello Zambrana/AGIF

A primeira chegada do jogo foi do São Paulo, aos 2 minutos. Hernanes recebeu a bola na grande área e cabeceou, mas a redonda pegou no zagueiro e foi para fora. Aos 3 minutos, Daniel Alves achou Pablo na grande área, mas o atacante não conseguiu dominar e perdeu a oportunidade.

Aos 9 minutos, de novo o Tricolor tentou. Liziero soltou o canhão e assustou o goleiro Jordi. A bola passou raspando o travessão, levando perigo ao Azulão. O São Paulo era mais organizado e pressionava, enquanto o CSA só se defendia. O jogo passava dos dez minutos e o time azulino ainda não tinha feito nenhuma jogada de ataque, tentava sair da pressão, mas não conseguia. Por isso, o time tinha dificuldades para sair.

Aos 12 minutos, Antony tentou gingar na frente de Carlinhos, mas não conseguiu passar pelo lateral azulino, que usou a experiência para recuperar a posse de bola. Aos 16 minutos, o Tricolor assustou de novo. Hernanes cobrou o escanteio e a zaga subiu para afastar. Na sequência, o meia são paulino mandou novamente na área e Pablo escorou para o gol, vendo a bola tirar tinta da trave de Jordi.

O São Paulo tinha o predomínio no jogo, mas não tinha poder de finalização. E o CSA se aproveitava para neutralizar as ações e resistia ao time tricolor. Aos 18 minutos, o Azulão teve um escanteio em seu favor, pela direita. Na cobrança, Alecsandro tentou finalizar por duas vezes e a bola passou muito perto do gol de Tiago Volpi.


				
					CSA sai na frente, mas cede empate ao São Paulo no Morumbi: 1 a 1
FOTO: Matheus Pimenta/CSA

Aos 29 minutos, Euller arriscou o chute de longa distância, de esquerda, e Tiago Volpi só acompanhou a bola sair na linha de fundo. Aos 30 minutos, em cobrança de falta para o tricolor, Hernanes chutou no canto do goleiro, que faz a defesa com tranquilidade. Era o São Paulo voltando a pressionar mais o Azulão.

De novo o São Paulo tentou. Aos 32 minutos, Reinaldo cortou na esquerda e chutou direto no gol de Jordi, que espalmou para fora. O lateral quase enganou o goleiro azulino, pois dava a impressão de que iria fazer o cruzamento. Aos 36 minutos, mais uma vez o São Paulo chegou. Reinaldo recebeu o passe, invadiu a área e soltou uma bomba, mas viu a bola passar perto do travessão.

O São Paulo insistia e por pouco não fez o gol. Aos 39 minutos, Daniel Alves cruzou da direita e Jordi saiu quase na entrada da área para tirar. Não satisfeito, o goleiro azulino foi até a lateral para afastar, mas Reinaldo pegou e cobrou rapidamente o lateral na grande área, com Jordi ainda fora do gol. A sorte dos azulinos foi que Everton chutou, após um bate-rebate, mas a zaga do CSA afastou.

O time do Morumbi seguia pressionando no finalzinho do primeiro tempo. E, aos 41 minutos, chegou com perigo de novo. Hernanes recebeu a bola na entrada da área, cortou o marcador e chutou forte de esquerda. A bola explode em Alan Costa, Reinaldo ficou com a sobra e chutou de esquerda, mas Alan se jogou e conseguiu mandar para escanteio.

Aos 45 minutos, o São Paulo teve uma falta em seu favor. Daniel Alves tentou um chute colocado por cima da barreira, mas a bola vai muito alta e acabou indo para fora. O árbitro deu dois minutos de acréscimos na primeira etapa e já não havia mais tempo para nada. O CSA conseguiu segurar o Tricolor e o resultado parcial de 0 a 0.

Etapa final


				
					CSA sai na frente, mas cede empate ao São Paulo no Morumbi: 1 a 1
FOTO: Luis Moura/WPP/GPress

No segundo tempo, o Azulão começou levando perigo ao Tricolor, após a cobrança de um escanteio. Aos 2 minutos, Euller cobrou na segunda trave e Tiago Volpi deu um toquinho para fora. Aos 4 minutos, de novo o CSA chegou com perigo. Euller carregou a bola no campo de ataque e mandou uma bomba de esquerda, mas a bola caprichosamente, explodiu na trave.

O Azulão voltou com mais disposição, mais aceso na segunda etapa, sem medo de arriscar. O que fez no comecinho do segundo tempo, não conseguiu fazer durante toda a primeira etapa. E aos 9 minutos, o time do técnico Argel Fucks encontrou o caminho do gol. Apodi tocou a bola para Alecsandro, que passou para Naldo. Ele ajeitou na medida para Bustamante, e o paraguaio só fez empurrar para o fundo das redes: 1 a 0. Foi o sexto jogo de Bustamante neste Brasileirão e o primeiro gol dele pelo CSA.

Aos 17 minutos, o Azulão tentou puxar o contra-ataque, Apodi recebeu na ponta direita, tentou driblar Tchê Tchê, mas foi desarmado. O Tricolor respondeu aos 19 minutos: Pato cruzou forte da esquerda e Pablo deu um toquinho na bola na grande área e ela passou perto do gol de Jordi.

Com a desvantagem no placar, o São Paulo era só pressão em cima do CSA, em busca do gol de empate. Aos 21 minutos, o Tricolor tentou com Toró, que foi fazer a jogada individual na direita, mas acabou deixando a bola sair pela linha de fundo. O São Paulo insistia e, aos 27 minutos, chegou com perigo, quando Hernanes recebeu a bola na esquerda, cortou o marcador e chutou forte de direita, vendo a bola passar perto do gol de Jordi. Só dava São Paulo! Aos 29 minutos, em cobrança de falta, Pato chutou forte de direita, a bola desviou na barreira e passou perto do gol de Jordi.

Aos 31 minutos, em mais um bom momento do Tricolor, Hernanes cruzou a bola na área e Arboleda chegou com tudo para finalizar, mas, para alívio do CSA, o chute foi para fora. O Azulão se segurava como podia, seguia todo fechado, enquanto o São Paulo, desesperado, seguia ao menos em busca do gol da igualdade. Aos 37 minutos, Apodi puxou o contra-ataque, mas errou o passe para Bruno Alves.

O CSA seguia todo fechado. E, aos 41 minutos, não conseguiu mais segurar a pressão dos são-paulinos. Daniel Alves cruzou a bola na área, Jordi saiu para dividir e Bruno Alves cabeceou para o meio. Reinaldo chegou de carrinho para empurrar para o fundo das redes e empatar a partida: 1 a 1.

O árbitro deu seis minutos de acréscimos e aos 46 minutos, o São Paulo ainda insistia, desta vez em busca do gol da virada. Igor Gomes chutou de fora da área, mas a bola passou por cima do gol de Jordi. Aos 48 minutos, Daniel Alves cruzou a bola na área e Arboleda cabeceou de volta para o camisa 10, mas ele estava impedido.

E já não havia mais tempo para nada e, aos 51 minutos, o árbitro assinalou o final do jogo. E o time do São Paulo deixou o gramado do Morumbi sob vaias da sua torcida.

São Paulo- Tiago Volpi, Liziero (Igor Gomes), Dani Alves, Bruno Alves e  Reinaldo; Arboleda, Tchê Tchê, Hernanes; Pablo, Everton (Alexandre Pato) e Antony (Toró). Técnico: Cuca.

CSA- Jordi; Apodi, Alan Costa, Luciano Castán e Carlinhos; Naldo, Dawhan, João Vitor e Euller (Jean Kléber); Alecsandro (Alisson Safira) e Héctor Bustamante (Bruno Alves). Técnico: Argel Fucks.

Árbitro:Heber Roberto Lopes (CBF-SC).

Auxiliares: Helton Nunes (CBF-SC) e Éder Alexandre (CBF-SC).

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas