CSA recebe o Floresta-CE nesta terça (8), pela 3ª rodada da Copa do Nordeste

Azulão é o 3º colocado, com três pontos, e busca o 2º triunfo sucessivo. Verdão ainda não venceu e briga na parte de baixo da tabela

Tem Alagoas em campo pela Copa do Nordeste nesta terça (8). Às 21h30 (de Brasília), CSA e Floresta-CE duelam pela 3ª rodada do torneio, no Estádio Rei Pelé, em Maceió. O Azulão é comandado por Mozart Santos e o Verdão por Ricardo Drubscky. Enquanto o time alagoano está no G4 do Grupo A e busca a 2ª vitória seguida, a equipe cearense amarga a vice-lanterna porque ainda não venceu. Será o primeiro confronto na história entre os clubes.

Cenário

Em duas partidas, o CSA é o 3º colocado, com três pontos e 50% de rendimento. Ou seja, soma uma vitória e uma derrota. Na estreia, perdeu para o Sousa-PB, por 1 a 0, na Paraíba. Depois, venceu o Botafogo-PB, em casa, por 3 a 0. O atacante Rodrigo Rodrigues fez dois gols nessa partida e é um dos artilheiros da competição no momento.

O Floresta somou apenas um ponto nos dois jogos iniciais. Por isso, ocupa o 7º lugar do Grupo B, à frente do Botafogo-PB. Na primeira rodada, foi derrotado para o Fortaleza, por 2 a 0, na Arena Castelão. Na sequência, empatou, por 1 a 1, com o Globo-RN, no Estádio Manoel Barreto, no Ceará-Mirim (RN). Flávio Torres deixou tudo igual a favor do Verdão no segundo tempo, após o Águia sair na frente do placar no começo.

Romarinho comemora gol do Fortaleza sobre o Floresta-CE, no Castelão - Foto: Thiago Gadelha / SVM

CSA

A princípio, o Azulão é o favorito e deve somar mais três pontos. A equipe alagoana segue 100% no Estadual e, portanto, está confiante. Além disso, venceu o maior rival CRB, no último sábado (5). Rodrigo Rodrigues provou mais uma vez, porque vive boa fase no início de 2022. Aos seis minutos da etapa inicial, marcou o gol da vitória da equipe, por 1 a 0, e o 5º dele no ano. Os outros quatro foram pelo Alagoano e sobre o Botafogo-PB, pelo Nordestão.

O treinador Mozart Santos gostou do rendimento do time no clássico, triunfo que marcou a primeira vitória do ex-meia sobre o rival, após três empates. “Foi a minha primeira vitória. Na minha opinião, foi a nossa melhor atuação até agora. Eu estou muito satisfeito, principalmente porque em 90% do jogo nós estivemos muito bem”, analisou o comandante.

Lucas Barcelos e Rodrigo Rodrigues, nessa ordem, festejam gol do CSA no Trapichão - Foto: Ailton Cruz

Para o novo duelo, o treinador pode não contar com Werley. O zagueiro sentiu a posterior da coxa no sábado, e é dúvida. Assim, Marcel pode atuar na posição. Já Cedric ajudou muito o CSA na lateral direita e deve começar como titular. Em suma, o Azulão foi superior no clássico devido à força ofensiva.

Mozart abriu mãos dos volantes e deixou a equipe mais solta. O técnico gostou do que viu em campo e a tendência é que repita a base titular, mudando pouca coisa. Assim, um provável CSA para esta terça tem: Marcelo Carné; Cedric, Marcel, Wellington e Ernandes; William, Luiz Henrique e Didira, Marco Túlio, Felipe Augusto e Rodrigo Rodrigues.

Floresta-CE

Garantido na Série C do Brasileiro deste ano, o Verdão participa da competição regional pela primeira vez. A vaga inédita foi conquistada em novembro do ano passado, após a equipe vencer o Ferroviário-SP nos pênaltis, depois de empatar no tempo normal, por 1 a 1. No período, atletas da base integraram o elenco titular e colaboraram na caminhada rumo à classificação.

Jogadores do Floresta comemoram classificação. Verdão participa da Copa do Nordeste pela primeira vez - Foto: Ronaldo Oliveira / ASCOM Floresta EC

Em dezembro de 2021, o clube da Vila Manoel Sátiro começou a colocar em prática os planos para o temporada 2022. Assim, contratou o técnico Ricardo Drubscky, que já trabalhou como preparador físico e foi diretor de futebol. No último jogo, o mineiro usou o esquema tático 4-5-1 contra o Leão do Pici.

Porém, o Verdão foi dominado desde o começo do jogo. O Floresta só conseguiu atacar com perigo duas vezes na etapa inicial em chegadas de Yago Rocha e Alisson, respectivamente. No primeiro lance, a bola bateu no travessão. No segundo, Pikachu tirou a bola praticamente em cima da linha salvando o Fortaleza. Depois, na etapa complementar, o Leão ampliou o placar e só administrou o resultado na reta final.

Ricardo Drubscky chegou no Floresta em dezembro de 2021. Mineiro de 59 anos já foi preparador físico, técnico da base e do profissional - Foto: Felipe Couri

Um provável Floresta para enfrentar o CSA nesta terça, em Maceió, tem: Marcão; Lito Guerreiro, Yan Souto (Renê), Alisson e Pedro Rosa; Dudu, Jô, e Athyrson; Yago Rocha, Paulo Vyctor (Matheus Bahia) e Flávio Torres.

Arbitragem

O jogo será comandado pelo catarinense Diego Pombo Lopez (CBF-BA). Ele terá o auxílio dos assistentes Elicarlos Franco de Oliveira (CBF-BA) e Ledes José Coutinho Neto (CBF-BA). O quarto árbitro será Helder Brasileiro de Aquino (CBF-AL).