Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > ALAGOANO

CRB empata por 0x0 com Brasiliense e está classificado na Copa do Brasil

Galo suporta pressão do Jacaré em Taguatinga-DF e encara o Goiás na segunda fase da competição nacional

Jogando em Taguatinga, no Distrito Federal, o CRB sofreu para segurar o empate contra o Brasiliense na tarde desta quarta-feira (13). O time regatiano pecou na marcação dos jogadores do Jacaré e, se não fosse o goleiro Edson Mardden, dificilmente o Galo conseguiria a classificação à segunda fase da Copa do Brasil. Seguir na competição garantiu ao Regatas uma bonificação de R$ 625 mil.

Veja como foi a partida em Tempo Real!

Leia também

O adversário do CRB na segunda fase é o Goiás, que bateu o Sergipe por 2x0, no Estádio Batistão, em Aracaju, na noite desta quarta-feira. A exemplo do que foi a fase inicial, a classificação à próxima etapa será disputada em partida única, porém, um empate por qualquer placar levará o jogo para as cobranças de pênaltis. A partida entre o Galo e o Esmeraldino será no Estadio Serra Dourada. Data e horário do confronto serão definidos pela CBF.

A delegação regatiana nem sequer volta a Maceió e já segue direto para Natal, capital do Rio Grande do Norte. Isso porque no sábado (16), às 16h (horário de Alagoas), enfrenta o ABC, pela quarta rodada da Copa do Nordeste.

Avassalador Brasiliense

Precisando apenas empatar a partida para seguir na competição, o CRB parece ter se apoiado nesta vantagem mínima no primeiro tempo do jogo. Desce cedo abdicou, praticamente, do ataque e o técnico Roberto Fernandes tentou tumultuar o meio de campo escalando Ferrugem, Claudinei e Mateus Silva, jogadores com características defensivas. Desta forma, o "escape" para o ataque seria William Barbio pela direita e Hugo Sanches pela esquerda, mas nada conseguiram fazer na primeira etapa.


				
					CRB empata por 0x0 com Brasiliense e está classificado na Copa do Brasil
FOTO: Igo Estrela/metropoles.com

Com o meio bastante ocupado, o Jacaré tentou surpreender pelos lados de campo, mais precisamente pela avenida presente nas costas do lateral esquerdo Guilherme Silva. O lateral direito do Brasiliense, Alex Murici, logo aos seis minutos deu por entre as pernas de Guilherme cruzou no meio da área, Romarinho tentou o desvio, mas chutou torto.

O CRB respondeu aos oito. O atacante Hugo Sanches recebeu na entrada da área ofensiva e soltou um balaço, obrigando o goleiro Edmar Sucuri a se esticar e tirar o gol com a ponta dos dedos. Depois disso, veio um apagão no Galo e um arrastão dos donos da casa.

Aos 12, em mais uma ótima investida do Brasiliense pelo lado direito, Alex Murici arriscou de muito longe, a bola faz uma curva e, por pouco, não entrou no canto direito do goleiro regatiano Edson Mardden. Cinco minutos depois, foi a vez de Peninha fazer o arqueiro alagoano trabalhar: chutaço com a perna direita e Mardden espalmou como deu.

Mais uma vez Alex Murici utilizou o buraco deixado por Guilherme para armar o ataque dos donos da casa. O lateral passou para o centroavante Reinaldo, que cruzou no segundo pau para Romarinho. Livre de marcação, testou bonito buscando o ângulo superior esquerdo de Edson Mardden, mas a bola caprichosamente foi para fora.


				
					CRB empata por 0x0 com Brasiliense e está classificado na Copa do Brasil
FOTO: Igo Estrela/metropoles.com

Novamente pela direita de ataque, Peninha recebeu de Alex Murici dentro da área, bateu cruzado, buscando Reinaldo, só que o atacante do Jacaré já estava em posição irregular, segundo a arbitragem. Aos 34 minutos, Peninha lançou Reinaldo na pequena área, que conseguiu se livrar do zagueiro Wellington Carvalho e finalizou dentro da área. Edson Mardden fez uma grande defesa, salvando o CRB de sofrer o gol.

O CRB voltou a figurar no ataque do Brasileiense somente aos 37 minutos,  quando o lateral direito Júnior colocou a bola no peito de Zé Carlos. O atacante fez o pivô e ajeitou para Guilherme, mas o lateral mandou por cima do gol de Sucuri.

Nos acréscimos, aos 48, o alagoano Alex Murici aproveitou o espaço na defensiva regatiana e apareceu dentro da área. E para evitar que a defensiva regatiana chegasse abafando, tentou o arremate com a perna esquerda, longe da meta do CRB.

Segunda etapa tensa e equilibrada

Devido a péssima atuação no primeiro tempo, Roberto Fernandes não fez substituições, porém, voltou do intervalo com mudanças em posições de atletas em campo. Para evitar as investidas de Murici, colocou o Ferrugem mais a frente, no ataque, e trouxe Hugo Sanches para mais perto de Guilherme, dobrando a marcação.


				
					CRB empata por 0x0 com Brasiliense e está classificado na Copa do Brasil
FOTO: Igo Estrela/metropoles.com

Somente a vitória interessava ao Jacaré. Devido a isto, a pressão parecia continuar presente por parte do Brasiliense. Antes do primeiro minuto, Peninha dominou na entrada da área, bateu colocado e a bola foi para fora.

No entanto, o CRB passou a equilibrar mais a partida. Aos 11, Romarinho tentou puxar contra-ataque pela esquerda ofensiva, mas Claudinei ligou o motor, conseguiu tomar a bola e impedir o arremate do atacante adversário.

Cinco minutos mais tarde, escanteio para os donos da casa. Peninha bateu o córner, Mardden espalmou para o lado e na sequência, Lúcio levantou novamente na área. Reinaldo dividiu com o goleiro regatiano e conseguiu marcar, mas a arbitragem pegou falta de ataque e anulou o gol.

Já pensando em segurar o empate, o técnico Roberto Fernandes retirou William Barbio e colocou Danilinho. Quatro minuto depois, tirou o outro ponteiro, Hugo Sanches, e escalou o meia Felipe Menezes. A ideia era segurar a bola o máximo possível e deixar o tempo passar.


				
					CRB empata por 0x0 com Brasiliense e está classificado na Copa do Brasil
FOTO: Igo Estrela/metropoles.com

Aos 25 minutos, o atacante Geovane roubou a bola na intermediária e dali mesmo soltou o pé. A bola passou raspando a trave de Edson Mardden. Quase o Brasiliense conseguiu o gol da classificação.

O jogo ficou tenso, nervoso para o Brasiliense e à feição para o CRB. Os donos da casa se lançaram ao ataque e deixou espaços. Aos 35 minutos, Felipe Menezes recebeu na entrada da área, bateu rasteiro e Edmar Sucuri impediu a abertura do placar.

Quando o relógio marcava os 39, Victor Rangel, que entrou no lugar de Zé Carlos, recebeu de Ferrugem na entrada da área e finalizou com força, a bola explodiu no travessão de Edmar Sucuri. Quase o CRB se desafoga no finalzinho da partida.

Ao assinalar seis minutos de acréscimos, o árbitro Jean Pierre Gonçalves Lima (CBF-RS) parecia gostar da tensão da partida. E foi justamente aos 51 minutos da etapa final que ele marcou falta a favor do Brasiliense na meia lua ofensiva. O meia Peninha pegou a redonda e bateu rasteiro, no cantinho direito, e Edson Mardden foi buscar: defesaça e garantiu a classificação à segunda fase da competição mais democrática do Brasil.

Acompanhe,abaixo, os melhores momentos de Brasiliense 0x0 CRB:

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas