Colégio Marista de Maceió promove 1ª edição de jogos entre escolinhas esportivas da capital

Amistosos da Amizade e Solidariedade vão até novembro deste ano e deve mobilizar mais de mil atletas; cerca de 100kg de alimentos foram doados

No sábado (26), houve a primeira edição dos Amistosos da Amizade e Solidariedade no Colégio Marista de Maceió, projeto planejado para 2022. Crianças e adolescentes, de 6 a 18 anos, da unidade e de outros Colégios e escolinhas da capital, se enfrentaram em jogos nas modalidades Basquete e Futebol de Campo. Segundo a Assessoria da instituição, foram arrecadados mais de 100kg de alimentos não perecíveis, entregue à Assessoria de Missão da unidade. Em maio, haverá uma atividade para entrega das doações.

Estiveram em quadra os seguintes times: Colégio Saint Germain X Colégio Santa Úrsula (sub14); Marista X Colégio Saint Germain (sub17), Colégio Saint Germain X Marista (sub14), São Lucas X Colégio Saint Germain (sub17), Marista X Colégio Santa Úrsula (sub14), Marista X Colégio São Lucas (sub17). Depois, pisaram no gramado: Marista X Ação Livre (sub07), Marista X Ação Livre (sub09) e Marista X Ponta Pé Inicial (sub 11).

Basquete e Futebol de Campo forma as modalidades que movimentaram a unidade - Foto: Ascom/Marista Maceió

Em abril, terá a 2ª edição, com partidas de futsal e disputas de vôlei de quadra. Como os jogos amistosos acontecerão até novembro, estima-se que mais de 1.000 atletas participem das competições. Além do caráter esportivo e de solidariedade entre os participantes, o projeto tem por intuito, posteriormente, realizar ações sociais com comunidades carentes.

Para Adonai Seixas, coordenador dos Serviços de Esporte, Arte e Cultura (SETE-SEAC) do Colégio Marista, essa iniciativa vai ajudar os atletas quando retornarem aos torneios realizados em Alagoas e em outros estados. “A realização dos amistosos possibilitará que atletas voltem a praticar suas modalidades de forma preparatória também. Aos poucos estamos retornando com nossas atividades esportivas, com torneios, copas e campeonatos pelo Brasil”, afirmou.