Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > ALAGOANO

Bobeou: CRB abre placar em cima do América-RN, mas cede empate: 1 x 1

Erik balançou as redes para a equipe do Galo e de cabeça Wellignton Pernambucano deixou tudo igual para o Mecão, pela Copa do Nordeste

O CRB viajou até Natal para enfrentar o América-RN, neste sábado (15). Embalado pelo ótimo resultado dentro de casa, quando venceu o ASA por 4 a 0, valendo pelo Alagoano, o Galo não conseguiu mais do que um empate por 1 a 1 contra a equipe do América.

A equipe comandada por Marcelo Cabo até saiu na frente do placar e teve as melhores chances do jogo, mas depois de um deslize da zaga, após a cobrança de falta de Michael, o atacante Wellington Pernambucano marcou de cabeça para o time da casa.

Leia também

O CRB volta a campo na próxima quarta-feira (19), às 19:15, contra o Paysandu, em Belém. A partida será pela segunda fase da Copa do Brasil. O jogo será no Estádio Leônidas Sodré de Castro.

Já o América-RN, enfrentará o ABC, pela primeira partida da final do Campeonato Potiguar. O jogo será na quarta (19), às 20:30, no Estádio Maria Lamas Farache.

Veja como foi a partida em Tempo Real!

PRIMEIRO TEMPO

O início da primeira etapa foi elétrico por ambos os times. Já nos primeiros minutos de jogo, a equipe do América-RN teve duas tentativas de abrir o marcador. A primeira foi da subida de Michael pela esquerda, cruzando para o meio da área do CRB, visando Orobó, mas a zaga regatiana interceptou no último momento. Já a segunda, foi no cruzamento de Lelê, que o goleiro Edson Mardden tirou de soco.

Aos 3 minutos, foi a vez do CRB buscar o gol adversário. Com ótima jogada de Erik, pela esquerda,  passou pelo marcador, chegando até a linha de fundo e lançou para a área, mas ninguém do Galo estava em posição para finalizar para o gol.

Depois de nove minutos da bola se concentrando no meio de campo, o Galo da Pajuçara conseguiu uma boa chance com Leo Gamalho, aos 12', após a zaga do América-RN falhar na cobertura do escanteio, tentou mandar de primeira para o gol e acaba furando.

As melhores chances da equipe potiguar foram criadas pelo setor ofensivo, no seu lado esquerdo. Tanto que aos 14', Wallace Rato fez boa jogada e tocou para Michael, que arriscou um chute forte, passando perto do gol de Mardden.


				
					Bobeou: CRB abre placar em cima do América-RN, mas cede empate: 1 x 1
FOTO: Diego Simonetti/América FC

Na metade do primeiro tempo, as equipes voltaram a esfriar o jogo, com passes de bola sem objetividade ofensiva. Nem mesmo o chute de Luidy, de fora da área, passou perto de abrir o marcador.

Porém, logo após o lance regatiano, foi a vez do América voltar a atacar. Depois da cobrança de escanteio de André Krobel ser desviada no meio do caminho, Geninho tem a chance de abrir o marcador, mas, no susto, chuta para longe da meta do Galo.

Logo em seguida, aos 25', Leo Gamalho faz boa jogada e arrisca para o gol de Ewerton, que espalma a redonda para longe. E no minuto seguinte, Rafael Longuine tabelou com Léo Príncipe, da entrada da área, finalizou para fora sem causar perigo para a equipe potiguar.

Aos 30', um choque entre Thalisson Kelven e Adílio paralisa a partida por dois minutos, para que ambos os jogadores recebessem os atendimentos médicos.

Perto do final do primeiro tempo, o América-RN fez uma boa jogada com Dione. O meio-campista se livrou da marcação de três regatianos, encaixando um belo passe para Orobó, que bateu fraco na bola e facilitou a defesa de Mardden.

Sem perder tempo, a equipe do CRB inicia um rápido contra-ataque pela esquerda com Erik, que obteve espaço para chutar e acertou a trave do goleiro Ewerton. O lance levantou a torcida do Galo que estava presente na Arena das Dunas, em Natal.

Antes de acabar o tempo inicial, a torcida americana teve a chance de ver o lance de Lelê e Orobó, pela esquerda. O atacante chutou forte e exigiu uma ótima defesa de Edson Mardden.

O primeiro tempo acabou aos 46'.

SEGUNDO TEMPO

O último tempo se iniciou sem alterações por ambas as equipes.

Já no início, o lateral Igor Cariús, após dividida, reclamou de dores na coxa. O atendimento foi solicitado. Mas não houve nada grave com o jogador regatiano, e logo voltou a campo. Contudo, quem não teve a mesma sorte foi César Sampaio. O volante se chocou com Carlos Jatobá. E após ser atendido dentro de campo, não deu para César continuar jogando, e foi substituído pelo atacante Felipe Pará.

Aos 11', o zero foi tirado do marcador. Depois da troca de passes pela esquerda, Igor Cariús cruzou para a área do Mecão, e Erik não perdoou. Com o biquinho da chuteira, desviou para os fundos da rede. 1 a 0 para o CRB.

Após o gol do Galo, o jogo ficou morno em relação a criação de reais oportunidades de gol. O lance que voltou a esquentar a partida foi a jogada do América-RN, pela direita, André Krobel tentou cruzamento para a área regatiana, mas ela explodiu em Xandão. Os jogadores do Mecão reclamaram de um toque de mão do zagueiro do CRB, mas o árbitro Diego Fernando Silva de Lima estava perto do lance, e mandou o jogo seguir normalmente.

Em seguida, aos 20', o Galo voltou a levar perigo para o gol de Ewerton, buscando ampliar o placar.  Erik puxou para o chutou. Mas o goleiro do Mecão estava esperto e fez uma boa defesa.

Com o placar desfavorável, o técnico Roberto Fernandes faz sua segunda alteração. Saindo Adílio para a entrada do atacante Wellington Pernambucano. E em seguida, realiza a última substituição: saindo Lelê e entrando Erivan.

Querendo segurar o ataque do América-RN, Marcelo Cabo fez alterações no time. O técnico tirou Luidy e pôs o zagueiro Washington. Depois, tirou o camisa 10 Rafael Longuine, e colocou o lateral esquerdo Hugo, reforçando o lado em que a equipe do América mais criou oportunidades.

Aos 36', veio o empate do Mecão. Com falta cobrada por Michael, Wellington Pernambucano subiu mais que toda a zaga regatiana, e cabeceou para o fundo da rede do CRB. Mas, por fim, não passou disso. A partida se encerrou aos 50 minutos de jogo, mas não antes do Galo fazer sua última alteração: saindo Gamalho para dar lugar a João Carlos.


				
					Bobeou: CRB abre placar em cima do América-RN, mas cede empate: 1 x 1
FOTO: Diego Simonetti/América FC

O jogo, por mais corrido que tenha sido, teve algumas paralisações devido as faltas e, consequentemente, os cartões amarelos. Ao todo, foram 4 cartões amarelos para o CRB, sendo dois para o atacante Erik, que foi expulso no final do jogo, Claudinei e Xandão. E dois cartões amarelos para o América-RN, ambos destinados para Wallace Rato, também expulso da partida.

ESCALAÇÕES

América-RN: Ewerton, André Krobel, Geninho, Edimar, Michael,Wallace Rato, César Sampaio (Felipe Pará), Dione, Lelê (Juninho), Adílio (Wallace Pernambucano), Orobó.

CRB: Edson Mardden, Léo Príncipe, Thalisson Kelven, Xandão, Igor, Claudinei, Carlos Jatobá, Rafael Longuine (Hugo), Luidy (Washington), Léo Gamalho (João Carlos).

ARBITRAGEM

Árbitro: Diego Fernandes Silva de Lima (PE)

Árbitro Assistente 1: Marcelino Castro de Nazaré (PE)

Árbitro Assistente 2 :Victor Matheus de Lavor Paes Barreto (PE)

Quarto Árbitro: José Magno Teixeira do Nascimento (RN).

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas