Após queda na Copa do NE, CSA foca nas semis do Alagoano e aguarda sorteio da Copa do Brasil

Em abril, Azulão começar a disputar a Série B. Até lá, novos atletas devem ser anunciados, principalmente no setor ofensivo

A primeira grande decepção do CSA na temporada 2022 aconteceu nessa terça-feira (22). Em casa, o Azulão foi eliminado das quartas de final da Copa do Nordeste contra o Sport, na disputa por pênaltis, após empatar sem gols no tempo regular.

Na coletiva pós-jogo, o treinador Mozart preferiu não avaliar as cobranças perdidas (William, Gabriel e Rodrigo Rodrigues pararam em Maílson) e apontou que as fortes chuvas em Maceió favoreceram a proposta defensiva do Leão, que esteve mais recuado no segundo tempo.

“Não teve primeiro tempo, o gramado estava impraticável e, na minha opinião, favoreceu o adversário. Tanto é que no segundo tempo, pelo menos - e eu sou um cara bem crítico do meu trabalho -, foi um jogo de um time só. O Sport se defendeu e nós atacamos”, avaliou.

Mozart Santos disse que o CSA não se classificou na Copa do NE em virtude da condição do gramado - Foto: Ailton Cruz / Gazeta de Alagoas

Na etapa inicial, mesmo com muitas poças d’águas, cada time criou três boas chances de marcar e os goleiros trabalharam. Já na reta final, o Leão chegou a ficar perto de abrir o placar aos oito minutos, com Denner, porém, no geral, o Alviceleste controlou as ações do duelo, ameaçando com Rodrigo Rodrigues e Lucas Barcelos. Ainda assim, a zaga do Sport levou a melhor, cortando a maioria dos cruzamentos.

Resta agora três campeonatos para Mozart Santos e Cia. salvarem o ano do time marujo: semifinais do Campeonato Alagoano (ainda sem data definida), 3ª fase da Copa do Brasil (o sorteio dos confrontos será no dia 28/03) e o Campeonato Brasileiro da Série B, que começará em abril. Até o início da Segundona, a tendência é que a diretoria excutiva contrate mais reforços, principalmente para o ataque.

Kieza, artilheiro do Náutico em 2021, foi procurado pelo CSA; Azulão segue na busca por uma camisa 9 antes do início da Série B - Foto: Tiago Caldas/CNC

Por enquanto, segundo o presidente Omar Coêlho, o clube está de olho em mais um centroavante. Os nomes cogitados são de Kayke, ex-Flamengo e Santos, e Kieza, que estava no Náutico em 2021. No ano passado, o CSA faturou o título do Estadual sobre o rival, porém caiu nas quartas do Nordestão, na 2ª fase do torneio milionário e bateu na trave na Segundona, na última rodada.

Atualmente, Mozart tem à disposição no ataque: Dalberto, Lucas Barcelos, Marco Túlio, Rodrigo Rodrigues, artilheiro do clube com sete gols, Oslvado e Clayton, este no departamento médico. Porém o direção sente que falta aquele camisa 9 mais clássico, que seja decisivo, especialmente em momentos como o que aconteceu recentemente no Trapichão.

O objetivo do time é, naturalmente, conquistar títulos. Contudo, mesmo que não ergua nenhum trofeu em 2022, a classificação à elite do nacional ao término da temporada seria importante para toda a delegação do clube, pois significaria mais investimentos em 2023, com mais prestígio no cenário nacional, e outra reformulação do elenco.