Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > esportes > ALAGOANO

Após homenagem ao filho em UTI, pai de Arthur Maia diz: 'É gratificante'

Jogador alagoano falecido em 2016, é homenageado no hospital de campanha construído na Arena Fonte Nova, em Salvador. Maia foi revelado pelo Vitória

O ex-jogador alagoano Arthur Maia, vítima fatal do acidente aéreo que envolveu a delegação da Chapecoense em novembro de 2016, recebeu uma homenagem bastante especial nesta semana, em meio à luta contra o novo coronavírus, a Covid-19. Arthur Brasiliano Maia dá nome a uma UTI do hospital de campanha instalado na Arena Fonte Nova, em Salvador-BA. A homenagem se dá pela relação de Arthur com o Vitória, clube onde foi revelado.

O meia chegou ao Rubro-Negro baiano em 2009, aos 17 anos, e defendeu as equipes Sub-20 e profissional, antes havia passado pelo CSA em sua terra natal. Com a camisa do Leão do Barradão, foram 53 jogos entre Sub-20 e profissional. Na equipe principal, foram três passagens entre 2011 e 2016. O meia, inclusive, disputou nove jogos no clube baiano, antes de se transferir por empréstimo para a Chapecoense em 2016.

Leia também

Pai de Arthur, Roberto Maia conversou com aGazetawebe falou da felicidade em ver o nome de seu filho no combate à pandemia da Covid-19.

"Eu fiquei muito feliz com esta homenagem. Isso mostra que ele fez um grande trabalho lá. Vincular o nome dele com a cura das pessoas é gratificante. Muito feliz mesmo", disse Roberto.

MARCANTE


				
					Após homenagem ao filho em UTI, pai de Arthur Maia diz: 'É gratificante'
FOTO: Glauber Guerra / Bahia Notícia

Além do título nacional com a equipe de base, o jogador foi campeão baiano em 2010 e 2016 pelo time profissional. O ex-meia alagoano defendeu também em sua carreira profissional o Joinville, América-RN, Flamengo, Kawasaki Frontale, do Japão, e a Chapecoense.

Segundo a Secretária de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), "a homenagem ao falecido jogador de futebol é uma forma de inspirar profissionais de saúde e pacientes internados, de que o tradicional palco do futebol, também é um local com histórias de superação e conquistas".

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas