Série D: Cruzeiro faz duelo direto com Sergipe sonhando com vaga no G4

Estrelado tenta entrar de vez no pelotão dos 4 melhores do Grupo A4, mas precisa superar o Gipão em Aracaju

O Grupo A4 da Série D está de volta neste meio de semana. E, para abrir a porteira dos grandes jogos, nesta terça-feira (27), a partir das 20 horas, Sergipe e Cruzeiro de Arapiraca duelam na abertura da 10ª rodada. O embate é importante, pois os clubes estão coladinhos na tabela, sonhando com a classificação para a 2ª fase.

Situação

O Cruzeiro encerrou uma sequência tenebrosa na última rodada. Com uma vitória apertada sobre o Jacuipense, por 1x0, o Estrelado desgarrou e voltou a brigar pela classificação. Inclusive, o Urso está no 5º lugar do grupo, com 12 pontos. Se vencer ou empatar, seca o Atlético de Alagoinhas ou o próprio Atlético para seguir entre os quatro melhores.

Já o Gipão vem oscilando pela primeira vez, desde que Leandro Sena assumiu. Sem consistência, o clube alvirrubro acumula quatro partidas sem vencer (duas derrotas e dois empates). Assim, o Sergipe despencou da vice-liderança direto para o 6º lugar, com 11 pontos. E é em casa que as coisas não estão funcionando, já que o último triunfo no Batistão foi no dia 27 de maio.

CRUZEIRO DE ARAPIRACA

O Estrelado teve uma semana de paz, após muito tempo de sofrimento. A sequência de resultados ruins havia deixado o clima estranho, porém, a vitória recolocou as coisas nos trilhos.

Com essa paz na semana, Adriano Cabeça só ganhou dois problemas: Vera Cruz e Caio Felipe. O zagueiro sofreu uma lesão grave em um treinamento, por isso deve perder a Série D quase que inteira. Caio Felipe teve uma lesão mais leve na coxa direita. Preservado, ele não viajou para Aracaju.

Por outro lado, não há suspensos. Para o lugar de Caio, a escolha óbvia é Miguel. Já Vera Cruz deve ser substituído por Felipe Camargo. No mais, a escalação não deve ter mudanças. Com exceção de Colina, que apesar de não ter uma lesão, não foi relacionado para o duelo. Batata deve entrar em seu lugar.

O Cruzeiro deve enfrentar o Sergipe com: Jerfesson; Júnior Gomes, Alex, Felipe Camargo e Miguel; Jair Amaral, Batata e Aurélio; Pablo Pardal (André Lessa), Victor Paraíba e Wallace.

SERGIPE

O tempo livre foi bem aproveitado para o Sergipe ir ao mercado. Após perder o atacante Alan James para a Aparecidense, o Gipão fechou a contratação do atacante Zé Eduardo, que estava no Varzim, de Portugal. Além dele, quem também chegou em Aracaju foi o zagueiro Rômulo, ex-América-RN.

As contratações vieram em um momento crucial da temporada, entretanto, também há problemas. O meia Léo Carvalho e o zagueiro Darlan não estarão disponíveis para o confronto, por estarem suspensos. Na zaga, o novato Rômulo ou Júnior Goiano podem atuar. Já Léo deve ser substituído por Magno.

Com uma dor de cabeça forte, Sena deve armar uma equipe ofensiva. A provável escalação do Gipão é: Wagner; Augusto Potiguar, Gabriel Caran, Rômulo (Júnior Goiano) e Mateus Mendes; Diego Aragão, Magno (Wescley) e Júnior Timbó; Matheus, Juninho e Pedro Henrique.

Arbitragem

O árbitro principal é Tarcísio Nascimento Matos (CBF/TO), enquanto seus assistentes são Thiago Emanuel Reis de Albuquerque (CBF/SE) e Tamara Nayara Muhlstedt Souza (CBF/SE). Michael Vinicius Santos Freitas (CBF/SE) é o quarto árbitro.

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p