CSA venceu por dois ou mais gols de diferença quatro vezes em 2023

Para se classificar no tempo normal na Copa do Brasil, Azulão é obrigado a vencer por grande vantagem

O CSA enfrentará um baita desafio contra o Internacional, no próximo dia 27, às 20 horas, no Estádio Rei Pelé. O embate é válido pela 3ª fase da Copa do Brasil e quem joga com a vantagem são os gaúchos, pois venceram a partida de ida por 2 a 1, no Beira-Rio. Ou seja, para o Azulão classificar, precisa de uma vitória por dois ou mais gols de diferença. Porém, nesta temporada, isso pouco aconteceu em jogos do time azulino.

Foram quatro vezes que o clube marujo venceu por dois ou mais gols. A primeira delas foi, também, a maior goleada do CSA na temporada. No dia 24 de janeiro, o Azulão aplicou 4 a 0 no Murici, pelo Campeonato Alagoano. A segunda aconteceu dias depois. Na Copa do Nordeste, em uma das melhores atuações do ano, a equipe alagoana fez 3 a 1 no Vitória.

Já as outras duas aconteceram já sob o comando de Vinícius Bergantin, na Copa Alagoas: 2 a 0 sobre o CSE (11 de março) e 3 a 0 sobre o Miguelense (18 de março). Fora isso, as outras seis vitórias do CSA na temporada aconteceram praticamente no sufoco, por um gol de diferença. Inclusive, na Copa do Brasil isso aconteceu duas vezes, contra Tuna Luso e Brusque, ambos por 1 a 0.

CSA superou o Vitória na Copa do Nordeste, por 3 a 1 - Foto: Ailton Cruz

Apesar disso, vencer por um gol de diferença também seria importante. Caso o Azulão triunfe por qualquer placar de diferença de um gol, o duelo será decidido nos pênaltis.

O grande problema é o fraco desempenho ofensivo do CSA nesta temporada. Dos 28 jogos realizados na temporada (contando Copa Alagoas), em apenas cinco deles o time marujo marcou dois gols. Em outros dez passou em branco durante os 90 minutos.

Porém, um grande adendo que vale ser citado é a experiência nas cobranças de penalidades máximas nesta temporada. Só em 2023, o CSA passou por três decisões de pênaltis. Venceu América de Natal, na Copa do Nordeste, e Coruripe, na Copa Alagoas. A única derrota foi contra o ASA, também na Copa AL.

CSA já sofreu três vezes nas cobranças de pênaltis em 2023 - Foto: Ailton Cruz

Já o Inter também já passou pelo desafio da marca da cal, mas na disputa das semifinais do Campeonato Gaúcho. Contra o Caxias, em pleno Estádio Beira-Rio, os colorados não conseguiram um bom desempenho e foram eliminados.

Fato é que muita coisa pode acontecer na semana que vem. Enquanto o Internacional vai passando por uma maratona de jogos, o Azulão segue sua preparação visando, exclusivamente, à disputa da Copa do Brasil.

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p