No maior valor desde 14 de abril, dólar fecha o dia em R$ 5,68

A alta veio após a aprovação da PEC dos Precatórios no Senado e em meio à crescente preocupação com a variante Ômicron da Covid-19

O dólar operou em alta de 0,42% nesta sexta-feira (3/12) e fechou em R$ 5,6823. O valor é o maior desde 14 de abril, quando fechou em R$ 5,7175, segundo registro do site Br.Investing

A alta da moeda norte-americana veio após a aprovação da PEC dos Precatórios no Senado e em meio à crescente preocupação com a variante Ômicron da Covid-19.

A moeda oscilou nesta sessão de 5,6018 reais (-1,02%) a 5,6875 reais (+0,50%). Com o resultado desta sexta, o dólar acumula alta de 0,80% no mês e de 9,54% no ano.

A moeda norte-americana operava estável frente ao peso mexicano, subia 0,36% ante o rublo russo e 1,00% contra o rand sul-africano, no momento do fechamento. Além disso, o índice DXY da ICE avançava 0,04%, aos 96,15 pontos.

Os dados de desemprego nos Estados Unidos, divulgados nesta sexta, também tiveram efeito sobre o valor da moeda. Segundo o Departamento do Trabalho do país, 210 mil postos de trabalho foram criados em novembro, com um recuo de 4,2% no índice de desemprego no país.