Yasmin Brunet se irrita com piadas após declaração sobre sereias

'Não entendo por quê isso está dando notícia', reclamou ela no Twitter

Yasmin Brunet não está curtindo nem um pouco a repercussão e as piadas que estão rolando na web após sua declaração no carnaval do Rio de Janeiro de que acredita em sereias. Em entrevista ao jornal "Folha de S. Paulo", a atriz ainda justificou sua crença: "A gente só conhece 10% do nosso mar. Tenho certeza que elas existem".
No Twitter, a filha de Luiza Brunet deixou o bom humor de lado e começou a esbravejar. "Aprendam uma coisa. Você tem que respeitar a opinião dos outros mesmo que seja diferente da sua. E aos que não acreditam em nada que o olho não vê... Que pequeno seu mundo", escreveu ela.
"Prefiro viver no meu mundo acreditando na possibilidade que tudo existe. Que tudo é possível. Do que nesse mundo preto e branco. Acho hilário quando dizem que eu uso drogas! Nunca nem bebi na vida", continuou.
"E se eu acredito em sereias?! Qual é o problema?! Estou fazendo mal a alguém? Você acredita no que você quer e eu acredito no que eu quero. Não sabemos de nada, não conhecemos nada. Nada dos oceanos, nada do universo. Somos um grão de areia perto da imensidão", escreveu ela.
E Yasmin não parou por aí. Ao ver a repercussão do caso nos veículos de comunicação do país, ela reclamou mais uma vez. "Tem gente que vive em um mundo muito pequeno... Tenho pena. Com a situação atual do Brasil, me admira uma revista tão conceituada fazer uma matéria sobre um assunto tão banal", escreveu a atriz, ao ver que a revista "Veja S. Paulo" estava repercutindo a história.
"Não entendo por quê isso está dando notícia. Estou ficando cansada e está perdendo a graça já", esbravejou.