Tiago Leifert cancela agenda após morte de Jô: “Amigo da família”

Artista faleceu nesta sexta-feira (5/8), aos 84 anos; ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês desde 28 de julho

O apresentador Tiago Leifert cancelou a sua agenda de compromissos após a morte de Jô Soares. O artista faleceu nesta sexta-feira (5/8), aos 84 anos. Ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde 28 de julho. A causa da morte não foi informada, por decisão da família e pedido de discrição do próprio Jô.

“Culto, generoso, rápido de raciocínio, hilário. Falava de política e futebol e história e literatura e transformava em entretenimento qualquer assunto que aparecesse no programa ou qualquer pessoa que se sentasse naquele sofá. E também escrevia e dirigia e apresentava e interpretava. Em português ou inglês ou francês. Jô Soares: eu vi”, postou o ex-Globo.

“Pessoal, o Jô, além de ídolo, era amigo da família. Por isso, estou cancelando minha agenda hoje à tarde e minha participação no 2 na Área. Nos vemos na segunda”, lamentou Leifert em suas redes sociais.

O corpo de Jô Soares deixou o hospital por volta das 11h. O velório e enterro de Jô, um dos maiores nomes da TV brasileira, serão reservados à família e aos amigos.

O Sírio-Libanês confirmou, em nota, que Jô morreu às 2h20. “Ele estava internado desde o dia 28 de julho no hospital, onde era acompanhado pelas equipes do corpo clínico da instituição”, destacou a unidade de saúde.

A apresentadora Adriane Galisteu, amiga e vizinha do apresentador, também lamentou. Em uma entrevista à TV Record, ela disse que Jô Soares passava por um “momento delicado de saúde”. “Ele fazia um tratamento complicado, com a idade avançada, ia e vinha do hospital, mas não importa. A gente nunca está preparado para a partida. Não sei lidar com a morte”, disse ela.