Rodrigo Sant’Anna revela trauma após se assumir para a mãe: “Cura gay”

Humorista afirma que a mãe tentou convencê-lo que a homossexualidade era uma doença e conta que sofreu bullying na escola

Rodrigo Sant’Anna gravou um especial de comédia para a Netflix chamado Cheguei!, onde revela o processo de descoberta da homossexualidade. Segundo o humorista, ele sofreu bastante durante a infância e adolescência ao lidar com o bullying feito por colegas e com as insinuações da mãe sobre uma possível “cura gay”.

“Nada na minha vida foi simples. Nem quando eu falei para minha mãe que eu era gay. Foi uma loucura: ‘Ai, tem cura gay, meu filho. Calma que tem’. Eu falei: ‘Não tem, não, hein, mãe'”, relembra.

Sant’Anna ainda deu detalhes sobre o bullying sofrido quando era criança. Apesar de hoje estar feliz com sua sexualidade, o humorista admitiu que nem sempre foi assim, já que era comum ouvir piadas sobre seu comportamento, além de apelidos ofensivos.

Apesar disso, o ator é bem resolvido quanto a sua sexualidade e mantém um relacionamento com o roteirista Junior Figueiredo desde 2019. Na nova esquete da Netflix, o humorista fala sobre a vida pessoal e profissional.