Monark volta aos trends do Twitter após fala polêmica sobre pedofilia

Apresentador voltou a causar polêmica após conversa sobre pedofilia em seu podcast. Assunto foi parar nos mais comentados do Twitter

O nome de Bruno Aiub, mais conhecido como Monark, voltou aos assuntos mais comentados do Twitter neste final de semana após uma declaração polêmica sobre pedofilia feita em seu podcast Monark Talks, transmitido na última sexta-feira (12/8). Após defender a criação de um partido nazista no Brasil, o que causou sua demissão do Flow Podcast, Monark disse não acreditar que seja crime consumir pedofilia.

Vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento que Monark questiona a Newman LM, convidado do podcast, se ele acredita que o youtuber PC Siqueira, que virou alvo de investigação por pedofilia após vazamento de mensagens atribuídas a ele, é pedófilo.

“Você acha que o PC Siqueira era pedófilo, por exemplo?”, questionou. Newman responde: “(Eu tenho) Medo de processo, mas assim, eu não duvido, eu não sei.”

“Duvidar eu não duvido nada de ninguém, pra ser sincero, eu tenho dificuldade de confiar em pessoas. O que ele (PC Siqueira) falou, pela interpretação, parecia que, tipo, era a primeira vez que ele sentiu alguma coisa que poderia ser considerado isso (pedofilia), até no vazamento. Eu acho que um pensamento, se ele nunca fez algo realmente físico com alguma criança, eu não acho que ele deveria ser considerado um criminoso, pelo menos”, responde o apresentador do programa.

Em seguida, o convidado questiona se Monark acredita que alguém que tenha pornografia infantil seja um criminoso. O apresentador responde: “Eu não sei se ele é um criminoso. Eu acho que o crime está em você produzir e divulgar. Mas, que é uma parada que você vai falar: puta, esse cara não bate bem das bolas. Com certeza é… Entendeu?”.

“Mas, criminoso eu não sei. Um cara que é pedófilo, por que eu gostaria de prender ele? Se ele estivesse ameaçando outras crianças. Entendeu? Se ele está assistindo uma parada é uma merda… É bem esquisito, eu não seria amigo dessa pessoa, mas eu não sei se ele deveria ser preso, entendeu? De verdade, assim… Porque o crime de verdade é você expor uma criança. Ou você abusar de uma criança, na minha opinião. Ou não?”, segue Monark.

Em resposta, o convidado diz que prefere não julgar, “principalmente por conta de processo”, e os dois seguem falando sobre pedofilia e pornografia infantil. Monark, inclusive, diz que não defende PC Siqueira, mas lembra sobre o cancelamento: “Não estou defendendo o PC Siqueira, é que ele foi muito cancelado, e se a gente é contra o cancelamento, deve ser contra de todas formas, até com as pessoas que não são sensatas.”

Defesa

Após seu nome parar nos assuntos mais comentados do Twitter, Monark usou a rede social para se manifestar. Em duas publicações, o apresentador afirma que “pedofilia é o pior crime que existe” e, em outro, questiona “como a polícia sabe se um conteúdo é criminoso sem ter visto nada dele”.

Internautas comentaram sobre a fala de Monark e detonaram o apresentador. “Monark sugeriu que uma pessoa que tem pornografia infantil no computador e assiste esse tipo de coisa não pode ser considerado um criminoso. Qual a demora das plataformas banirem esse cara que é um desserviço pra tudo que representa o mínimo de senso social?”, questionou um.

“O monark falando sobre o caso do pc siqueira é algo que pra mim demonstra o quanto o cara ta ficando biruta pra relativizar TUDO em prol da tal liberdade de expressão suprema dele, sério quando tem criança no meio pra mim o cara é um criminoso e pronto”, comentou mais uma