Livro Sex, de Madonna, é tema de exposição da grife Saint Laurent

Reedição do livro, lançado em 1992, inspirou a mostra da marca em Miami, nos Estados Unidos; a curadoria é do designer Anthony Vaccarello

O polêmico livro Sex, da cantora Madonna, comemora 30 anos de lançamento em 2022. Para celebrar o marco na carreira da rainha do pop, a Saint Laurent organizou uma exposição em Miami, nos Estados Unidos, com as imagens mais marcantes da publicação.

Com o objetivo de estreitar os laços entre moda e arte, a Saint Laurent inaugurada, nesta terça-feira (29/11), a exposição Sex by Madonna. A mostra será na renomada casa Art Basel, em Miami, nos Estados Unidos.

Diretor criativo da Saint Laurent, Anthony Vaccarello é o curador da nova empreitada. O italiano escolheu 25 imagens da icônica e polêmica publicação de Madonna. Além da exposição, serão leiloadas 800 unidades autografadas do livro.

Livro polêmico

Madonna lançou Sex em 1992. Steven Meisel, queridinho do universo da moda, clicou a cantora em cenas sexuais em que mostrava os próprios fetiches. A modelo Naomi Campbell foi uma das convidadas para as fotos. Participaram ainda a atriz Isabella Rossellini, os rappers Big Daddy Kane e Vanilla Ice, além do ator pornô Joey Stefano.

A junção dos convidados com as fotos chocaram a sociedade norte-americana. Na época, o tabu do sexo se somou ao medo da Aids. A doença acabou sendo associada a homens homossexuais.

Madonna usou o livro, o encarte de álbuns e shows para falar sobre a epidemia do HIV. O objetivo era ressaltar a importância do uso de preservativos, bem como destacar que a doença não estava restrita a pessoas que se relacionavam com outras do mesmo sexo.