Esposa de Daniel Alves nega apoio ao jogador em post: “Mentira”

Joana Sanz voltou às redes sociais pra explicar que postagem no Instagram teria sido de apoio ao marido, preso por suposto estupro

Joana Sanz, esposa do jogador Daniel Alves, preso por suposto estupro na Espanha, voltou às redes sociais, nesta terça-feira (24), para afirmar que não tinha intenção de defender o marido em uma postagem anterior.

Joana postou um story, nessa segunda-feira (23), com uma foto com Daniel Alves e a legenda: “Coração, aguente tanta dor”. Para o jornal El Internacional, a mensagem foi entendida como uma forma de apoio ao jogador, que está preso em Barcelona.

Entretanto, Joana retornou às redes para desmentir o jornal. “Mentira. Não deturpem ou interpretem mal o que digo. ‘Coração, aguente tanta dor’ é de mim para mim mesma”, explicou Joana.

A companheira de Daniel Alves somente publicou mensagens de apoio ao atleta na última semana. - Foto: Reprodução

Entenda o caso

O crime ocorreu no dia 30 de dezembro, em uma boate de Barcelona. Câmeras mostram que Daniel Alves e a vítima ficaram trancados no banheiro por volta de 15 minutos.

Aproximadamente às 4h30 da manhã, o atleta pediu que ela o seguisse até o banheiro. A moça tentou sair, mas Daniel não permitiu. O estupro teria ocorrido neste momento. De acordo com informações do jornal espanhol El Periódico, o jogador também teria agredido a mulher.

Daniel está detido desde sexta-feira (20) e foi transferido para o presídio Brians 2 por questões de segurança.