Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > diversão & variedades > TV E CELEBRIDADES

'1917' vence principal categoria do Sindicato de Produtores dos EUA

Longa já obteve o Globo de Ouro de melhor drama e recebeu dez indicações ao Oscar, incluindo a de melhor filme

O filme de guerra "1917" conquistou, no sábado (18), o maior prêmio anual do Sindicato do Produtores de Hollywood, evento que costuma ser considerado um bom termômetro das indicações que virão no Oscar em fevereiro.

Dirigida por Sam Mendes, a história sobre dois soldados britânicos em uma missão na Primeira Guerra Mundial já obteve o Globo de Ouro de melhor drama e recebeu dez indicações ao Oscar, incluindo a de melhor filme.

Leia também

Ao receber o prêmio de Melhor Produção Cinematográfica do Sindicato de Produtores dos Estados Unidos (PGA) em uma cerimônia em Los Angeles, Sam disse que fazer esse filme foi "instrutivo, alegre e, de longe, a melhor experiência da minha vida profissional".

"Desde o primeiro dia que rodamos - fizemos uma tomada de seis, ou sete, minutos -, pensei 'é excitante'", disse Mendes à AFP.

"E nunca olhamos para trás. Tivemos dias complicados, mas nunca duvidei", completou.

Dos últimos 30 ganhadores do Oscar de melhor filme, 21 levaram a estatueta do PGA nesta categoria, incluindo "Beleza americana", também de Sam Mendes, em 1999.

Brad Pitt, Al Pacino, Robert De Niro e Nicole Kidman, entre outras estrelas, participaram da cerimônia.

"Toy Story 4" venceu como melhor filme de animação, e "Apolo 11", como melhor documentário.

Já a série de televisão "Fleabag", da britânica Phoebe Waller-Bridge, foi escolhida como melhor comédia; "Succession", melhor drama; e "Chernobyl", melhor minissérie.

"Leaving Neverland", documentário sobre as denúncias de abuso sexual contra o astro Michael Jackson, conquistou o prêmio de melhor obra de não-ficção para a televisão.

Confira lista dos vencedores (em negrito) nas principais categorias:

Melhor produção cinematográfica do ano (Prêmio Darryl F. Zanuck):

  • "1917"
  • "Ford vs Ferrari"
  • "O Irlandês"
  • "Jojo Rabbit"
  • "Coringa"
  • "Entre facas e segredos"
  • "Adoráveis mulheres"
  • "História de um casamento"
  • "Era uma vez em Hollywood"
  • "Parasita"

Melhor produção cinematográfica de animação do ano:

  • "Abominável"
  • "Frozen 2"
  • "Como Treinar o seu Dragão 3"
  • "Link Perdido"
  • "Toy Story 4"

Melhor produção televisiva de drama em episódios (Prêmio Normal Felton):

  • "Big little lies"
  • "The Crown"
  • "Game of thrones"
  • "Succession"
  • "Watchmen"

Melhor produção televisiva de comédia em episódios (Prêmio Danny Thomas):

  • "Barry"
  • "Fleabag"
  • "The marvelous mrs. Maisel"
  • "Schitt's creek"
  • "Veep"

Melhor documentário:

  • "Advocate"
  • "American Factory"
  • "Apollo 11"
  • "The Cave"
  • "For Sama"
  • "Honeyland"
  • "One Child Nation"

Melhor minissérie para TV:

  • "Chernobyl"
  • "Fosse/Verdon"
  • "True Detective"
  • "Unbelievable"
  • "When They See Us"

Melhor produção de Game & Competição para TV:

  • "The Amazing Race" (31ª temporada)
  • "The Masked Singer" (1ª temporada)
  • "RuPaul?s Drag Race" (11ª temporada)
  • "Top Chef" (16ª temporada)
  • "The Voice" (16ª e 17ª temporadas)

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Tags

Relacionadas