Óbitos por Covid-19 em pessoas sem comorbidades crescem 20% em Alagoas

Aumento aconteceu em um período de 30 dias, conforme dados do Boletim Epidemiológico

Apesar de apresentar estabilidade no índice de média móvel de mortes por Covid-19, os números da doença em Alagoas continuam trazendo dados alarmantes. No último mês, os óbitos entre pessoas sem comorbidades registrou aumento no estado.

Segundo dados do Boletim Epidemiológico da Secretaria da Estado da Saúde (Sesau), na última quarta-feira (7) o estado somava 697 óbitos por Covid de pessoas sem comorbidades. Em comparação com o dia 7 do mês passado, quando este número era de 579 mortes, houve um aumento de 20,3%.

Segundo o infectologista Fernando Maia, a circulação de novas variantes e a falta de cuidado da população podem ser responsáveis por este aumento.

"São dois fatores que podem influenciar neste aumento. O primeiro é a circulação dessas novas variantes, que, aparentemente, têm poder maior que a primeira versão do vírus. Exemplo disto é a variante de Manaus, que tem causado formas mais graves da doença e se mostrou mais transmissível. A falta de cuidado das pessoas também pode ser um agravantes, já que muitos deixaram de tomar os cuidados necessários, principalmente jovens e adultos", disse.