Pesquisa aponta melhores e piores emojis para usar no trabalho

Pesquisa das empresas Slack e Duolingo entrevistou 9.400 empregados que trabalham no esquema híbrido na América do Norte, Ásia e Europa

Costuma usar emojis no dia a dia para se comunicar com colegas de trabalho? Então é bom ficar atento: uma pesquisa das empresas Slack e Duolingo indicou quais são os piores e melhores emojis para se usar no ambiente laboral.

O estudo, feito a partir de entrevistas com 9.400 empregados que trabalham no esquema híbrido (presencial e virtual) na América do Norte, Ásia e Europa, também traz os riscos que as vários figurinhas podem trazer.

Para os entrevistados, quatro imagens devem ser evitadas a todo custo por sugerirem mensagens com conotação sexual ou ofensiva:

💋
👅
💩
🍆

Do lado positivo, os seguintes emojis foram considerados por quase todos os participantes da pesquisa como sinalizadores de empatia e compreensão com colegas de trabalho:

😉
💔
🤗

Interpretações diversas

O estudo também concluiu que existe uma série de interpretações diferentes até para os emojis “universais”. A carinha com sorriso (🙂) sinaliza felicidade e positividade para cerca de 40% dos entrevistados nos continentes onde a pesquisa foi feita. No entanto, outra parte (14%, equivalente a 1.316 pessoas) relatou que tenta expressar “profunda exasperação e/ou desconfiança” com o desenho.

Outro emoji contraditório é o da nota do dinheiro com asas: 💸. Significa perda de dinheiro para 28%, enquanto demonstra ganho para 31%.

O pêssego (🍑) pode ser interpretado como uma tentativa de flerte em diversos países ou de forma literal, como costuma ocorrer em países da Ásia.

Produtividade

Há emojis que podem inspirar bons sentimentos e também melhorar o trabalho dentro dos grupos de conversa. O símbolo de um guaxinim tapando os olhos (🦝), por exemplo, pode sinalizar de forma educada que uma publicação deveria ter sido feita em outro grupo.

Outros também dizem muito em pouco tempo:

👀 = “dando uma olhada”

✅ = “feito”

🙌 = “muito bem feito”

👍 = “aprovado” ou “feito”

Os círculos (⚪️, 🔵 e 🔴) ajudam a indicar a urgência de um pedido.

Diferenças culturais

O estudo mostrou que 53% dos trabalhadores geralmente usam emojis para conversar com colegas e 73% usam os sinais para conversar com os amigos. Por outro lado, 30% nunca arriscam usar esses recursos com os chefes.

De acordo com o país, a falta de emoji pode ser muito sentida nas mensagens de texto, que acabam sendo consideradas incompletas sem os desenhos.

Os campeões nesse quesito foram Índia (85% consideram que mensagens precisam de emojis), China (74%) e EUA (71%). A taxa global é de 58%.