Dia Mundial do Coração: alimentos que ajudam a fortalecer o órgão

Alimentação, bons hábitos, bom sono e exercícios físicos são muito importantes para ter uma boa saúde cardiovascular

No dia 29 de setembro é comemorado o Dia Mundial do Coração. A data é um momento oportuno para avaliar os cuidados com um dos órgãos mais importantes do nosso corpo, mas, mesmo assim, nem sempre a devida atenção é dada para o órgão responsável pela circulação do sangue. Por isso, é necessário tomar algumas atitudes simples para cuidar da saúde do coração.
O médico nutrólogo Ronan Araujo, membro da ABESO (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica), explica que os três pilares básicos para manter um bom funcionamento cardíaco são ter boas noites de sono, praticar atividades físicas regulares e manter uma alimentação balanceada. Ele afirma que as práticas devem ser adotadas durante toda a vida e indica 5 alimentos para garantir a vitalidade do coração.


A maioria dos vegetais de cores vivas contém, naturalmente, altos níveis de compostos protetores. Ou seja, vegetais verdes com folhas, como espinafre, couves e brócolis, contêm antioxidantes que protegem as células dos efeitos nocivos do excesso de radicais livres. Já as cebolas são uma fonte rica de polifenóis anti-inflamatórios.

Alimentos como: Laranja, kiwi e outras frutas ricas em vitamina C; gema de ovo e atum; abacate, tomate e lentilha; uva roxa (ou frutas vermelhas e roxas). Também contribuem para o bom funcionamento do coração a castanha do Pará, aveia e pescado contendo ômega 3.
Doenças cardiovasculares são as principais causas de morte do mundo, segundo dados da Organização Mundial da Saúde. Por isso são desenvolvidos muitos tratamentos, desde remédios até intervenções complexas, como o transplante de coração.
As intervenções médicas (de remédios a cirurgias) são necessárias em algumas situações e até essenciais para resolver diversos problemas. No entanto, o exercício físico é fundamental para que os resultados das intervenções, alimentação e medicação sejam transferidos para a vida.