Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > notícias > BRASIL

Vídeo flagra racha antes de acidente que arrancou perna de mulher

Vítima de 36 anos estava na garupa de mototáxi atropelado por Mercedes que disputava racha; polícia procura motoristas


				
					Vídeo flagra racha antes de acidente que arrancou perna de mulher
Os carros de luxo envolvidos no acidente já foram identificados. Reprodução/Câmera de Monitoramento

São Paulo – Um vídeo de câmera de monitoramento obtido pelo Metrópoles mostra o momento em que dois carros de luxo trafegam em altíssima velocidade pela Alameda Rio Negro, em Barueri, na Grande São Paulo, durante um racha, instantes antes de um deles atropelar um mototáxi (assista abaixo) na noite dessa segunda-feira (21/5). As duas pessoas que ocupavam a motocicleta ficaram gravemente feridas.

Logo após o atropelamento, os ocupantes dos dois carros da marca Mercedes-Benz fugiram do local, sem prestar socorro às vítimas. O impacto foi tão violento que a passageira do mototáxi, identificada como Maria Graciete Alves Araújo, de 36 anos, teve parte da perna esquerda arrancada ainda no local do acidente. Ela segue hospitalizada.

Leia também

A reportagem obteve uma imagem em que é possível constatar que ela ficou com o fêmur exposto, perdendo a perna da coxa para baixo. A vítima era conduzida por um motociclista de aplicativo. O itinerário da passageira não foi informado.

Feridas, as duas vítimas foram levadas ao Hospital Geral de Barueri. Ainda consciente, o motociclista afirmou aos guardas civis que atenderam a ocorrência se lembrar apenas de ter “sentido uma forte batida”. Exames revelaram uma hemorragia no cérebro e ele também está na UTI.

Os carros de luxo envolvidos no acidente já foram identificados, inclusive seus proprietários.

Vídeo

Segundo a Prefeitura de Barueri, a mulher sofreu amputação traumática e está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Ela está sendo acompanhada por uma psicóloga.

Carro abandonado

Um dos Mercedes, avaliado em pouco mais de R$ 200 mil, era ocupado por um casal. O veículo foi abandonado no estacionamento de uma igreja evangélica. O responsável pelo local afirmou à polícia que a mulher atendia pelo nome de “Juliana” e que o casal alegou problemas técnicos para deixar o carro no local. Ela e o motorista estão desaparecidos. O veículo foi apreendido pela Guarda Civil de Barueri.

O segundo automóvel, com placa de Araras, interior paulista, não havia sido localizado até a publicação desta reportagem.

O caso foi registrado pela Polícia Civil como disputa de racha, lesão corporal, omissão de socorro e fuga. A Secretaria da Segurança Pública (SSP) informou que foi solicitada perícia para o local do acidente.

Leia a matéria completa em Metrópoles.com

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Relacionadas