Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
X
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > notícias > BRASIL

STF tem maioria para queixa-crime contra Janones por xingar Bolsonaro

O deputado federal usou sua rede X (antigo Twitter) para chamar o ex-presidente de “miliciano ladrão de joias”


				
					STF tem maioria para queixa-crime contra Janones por xingar Bolsonaro
Se a maioria for confirmada ao fim do julgamento virtual, em 17 de junho, e não houver pedido de vista ou destaque, o parlamentar será investigado.. Mario Agra / Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria para aceitar a abertura de queixa-crime e instaurar processo penal contra o deputado federal André Janones (Avante-MG) pelo suposto crime de injúria praticado contra Jair Bolsonaro (PL).

Se a maioria for confirmada ao fim do julgamento virtual, em 17 de junho, e não houver pedido de vista ou destaque, o parlamentar será investigado por ter cometido injúria contra o ex-presidente ao chamá-lo de “miliciano ladrão de joias”, “bandido fujão” e “assassino”, em publicações no X (antigo Twitter).

Leia também

Até o momento, a maioria dos ministros seguiu o voto da ministra Cármen Lúcia, relatora da ação, que considerou haver prova mínima da autoria e da materialidade do delito de injúria. Bolsonaro havia também pedido que fosse considerado o crime de calúnia, mas a Corte não viu elementos para prosseguir com esse pedido.

Saiba mais no site Metrópoles, clicando aqui.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Relacionadas

X