Bolsonaro faz primeira viagem após a derrota nas eleições

Presidente vai participar da formatura de cadetes da Academia Militar das Agulhas Negras (Aman) neste sábado

O presidente Jair Bolsonaro (PL) chegou a Resende (RJ) na manhã deste sábado (26) para participar da formatura de cadetes da Academia Militar das Agulhas Negras (Aman). Esta é a primeira viagem oficial de Bolsonaro depois da derrota nas urnas para Lula (PT), no dia 30 de outubro.

Antes de partir para Resende, o presidente passou a noite em Guaratinguetá (SP), na Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR). Ele saiu da cidade paulista às 9h10, de helicóptero, e chegou à Aman pouco antes de 11h.

A última agenda oficial do presidente no Palácio do Planalto foi no dia 31 de outubro, uma reunião com o ministro da Economia, Paulo Guedes, um dia após o segundo turno da eleição presidencial.

Além de Bolsonaro, o vice-presidente, Hamilton Mourão, também está presente na Aman.

O Aspirantado começou às 11h, no Pátio Marechal Mascarenhas de Moraes. A previsão é de que Bolsonaro deixe Resende às 13h30, com destino a Brasília (DF).

Sobre o Aspirantado

O Aspirantado é a cerimônia em que os aspirantes vão receber a espada de oficial do Exército Brasileiro. A solenidade marca a conclusão de quatro anos de estudos na Aman.

A turma "Bicentenário da Independência" é composta por 362 homens e 33 mulheres, totalizando 395 cadetes. Deste número, 10 possuem nacionalidade estrangeira de países classificados como amigos do Brasil: Guiana, Vietnã, Honduras, Peru, Camarões e Panamá.

Pela primeira vez, a Aman vai formar uma cadete do sexo feminino nascida no exterior: a peruana Ghazmin Lucero.