Artigo |

Microfisioterapia, você sabe o que é? E os benefícios que traz?

Tratamento complementar para quem busca saúde integral

Microfisioterapia - tratamento complementar para quem busca saúde integral. Técnica de terapia manual desenvolvida na França na década de 80. Age na prevenção, diagnóstico e tratamento das disfunções corporais e somatoemocionais. Por meio de toques manuais suaves em partes específicas do corpo, baseado em mapas corporais pré-existentes, busca local de alteração do ritmo vital da pele, ou seja, ponto de cicatriz patogênica. A cicatriz patogênica nada mais é que o registro a nível celular de um agente agressor, seja ele um agente físico, químico, tóxico ou emocional, que seu corpo não conseguiu se defender de maneira satisfatória, gerando um registro na célula, o que promove alteração na vitalidade de tecidos, podendo ser responsável por diversos sintomas ou sensações corporais.

Tem como embasamento teórico-científico a embriologia, anatomia, filogênese e ontogenia e, como princípio, a correção homeocausal. Assim, apresenta ao corpo a causa primária da disfunção, este reconhece e solta a lesão, estimulando o sistema natural de recuperação dos desequilíbrios, enfim, sua autocura.

Os registros celulares de memórias agressoras, pode ocorrer desde o período da préconcepção (ocorre em até 72 dias antes da concepção) são baseados em informação vivenciada pelo casal neste período. Período Fetal (corresponde a fase gestacional, infância, adolescência, ou seja até os dias atuais de sua vida), engloba também a hereditariedade familiar, memórias que o indivíduo pode trazer de até 4 gerações anteriores de seu pai ou sua mãe. Período Transgeracional, corresponde ao seu terreno. Já o Transpessoal, são as memórias que não estão inscritas no DNA , que ocorrem devido ao campo morfogenético.

A técnica é indicada para todas as idades, desde o recém-nascido. Como não existe contraindicação, mesmo aqueles que não apresentam nenhuma queixa física ou emocional, podem e devem realizar uma sessão de maneira preventiva. Entre as indicações de maior procura estão:

- Dores musculares e articulares

-Fibromialgia

-Ansiedade, medos, fobias, depressão

-Distúrbios do sono

-Cefaleia, enxaqueca

-Alergias, rinite, asma, bronquite, sinusite

-Deficit de atenção, hiperatividade, autismo

-Traumas físicos

-Traumas emocionais

-Problemas estomacais, intestinais, renais...

Por ser uma técnica integrativa, ela cuida em sua integralidade, não se prendendo apenas à queixa principal, trata o todo e age na causa primária, auxiliando no reequilíbrio corporal, fazendo com que os sintomas regridam no decorrer dos dias, trazendo a sensação de bem estar de volta.

Dra. Veruska Buarque Ferro. Fisioterapeuta. Graduada em 2007 pelo CESMAC-Al.

Pós-Graduada em Fisioterapia traumato-ortopédica com ênfase em terapia manual pela Castelo Branco-RJ.

Formação em pilates pela Fisiociência. Formação em microfisioterapia avançada pelo Instituto Salgado Saúde Integral.