Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > notícias > AFUNDAMENTO DO SOLO

IMA e Ufal divulgam resultados de análises da Lagoa Mundaú na segunda

Amostras de água foram coletadas após o rompimento da mina 18, no domingo (10), no Mutange

Na próxima segunda-feira (18), a Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e o Instituto do Meio Ambiente do Estado Alagoas (IMA-AL) vão atualizar os dados sobre os impactos causados pelo rompimento da mina 18, que aconteceu no último domingo (10), no Mutange.

Os pesquisadores farão comparações com pesquisas anteriores na laguna, a fim de proporcionar uma compreensão da situação, com base nos parâmetros avaliados com rigor científico.

Durante o projeto Laguna Viva, coletas de água, sedimento e organismos aquáticos foram realizadas nos meses de fevereiro, junho e setembro de 2023.

Artigos Relacionados

Em caráter emergencial, após o alerta da Defesa Civil sobre o colapso da mina 18, outras amostras foram recolhidas nos dias 2, 7 e 10 de dezembro. O material está em análise laboratorial.

Participarão da reunião o reitor da Ufal, Josealdo Tonholo, os pesquisadores Emerson Soares, do Laboratório de Aquicultura e Ecologia Aquática (Laqua); Josué Carinhanha, do Laboratório de Instrumentação e Desenvolvimento em Química Analítica (Linqa); João Soletti, do Laboratório de Sistema de Separação e Otimização de Processos (Lassop), além da Gerente do Laboratório do IMA, Ana Karine Pimentel.

*com informações da assessoria.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na App Store

Relacionadas