Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
HOME > blogs > EDIVALDO JÚNIOR
Imagem ilustrativa da imagem Rui teria apoio de Paulo para prefeito, mas preferiu um “novo passo”

BLOG DO
Edivaldo Júnior

Rui teria apoio de Paulo para prefeito, mas preferiu um “novo passo”


				
					Rui teria apoio de Paulo para prefeito, mas preferiu um “novo passo”
Rui Palmeira durante entrevista ao jornalista Wadson Regis. Reprodução

O ex-prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSD), fez revelações sobre as suas escolhas para as eleições deste ano em entrevista ao podcast "Política Sem Off", do jornalista Wadson Regis, especialmente sobre a decisão de concorrer a uma vaga de vereador nas próximas eleições municipais, decisão que pegou de surpresa o mundo da política.

Palmeira era lembrado para disputar a prefeitura de Maceió, mas desistiu em função da experiência que teve em 2022, quando foi candidato a governador e ficou em quarto lugar.

“Foi uma eleição em que a gente começou com 30% da intenção de voto e terminou a eleição com 10% por vários motivos, mas sobretudo pela falta de apoio político e de estrutura financeira. Eu acho que não tô falando aqui nenhuma novidade para quem acompanha a política de Alagoas, então a gente foi sendo amassado pelos adversários e terminamos com 10%”, disse.

Rui afirmou ainda que “não poderia ir para uma campanha de prefeito sem ter uma estrutura partidária forte, sólida me apoiando. Eu não iria mais uma vez e partir para uma campanha desestruturada.”

A decisão de disputar a vaga de vereador foi compartilhada com o governador Paulo Dantas. Rui era secretário de Infraestrutura até o dia 5 de abril deste ano.

“Quando eu conversei com o governador Paulo Dantas, falei para ele que minha intenção era disputar o mandato de vereador, ele foi totalmente a favor, mas inclusive conversou comigo se eu quiser ser candidato a prefeito também teria o apoio dele, mas que obviamente o MDB teria candidato a prefeito”, pondera.

“Eu entendo perfeitamente isso e falei para ele que realmente seria candidato a vereador. A gente conseguiu, nos últimos dias, fortalecer o PSD, sobretudo nessa última semana a gente vai, acredito eu, tranquilamente fazer dois vereadores.”, afirma Palmeira.

Novo passo

Rui, que começou como deputado estadual, depois foi deputado federal e prefeito de Maceió, avalia que a candidatura a vereador não é nem um passo atrás, nem recomeço.

“Eu acho que é um novo passo, eu não diria recomeço porque eu nunca deixei a política. Estou sem mandato, desde o final de 2020. Entendo que é importante, fui candidato em 22 a governador e entendo que eu não posso ficar fora dessa eleição aqui na nossa capital já que fui o antecessor do prefeito JHC e obviamente mais uma oportunidade que eu tenho de mostrar o nosso legado, as ações que nós empreendemos em Maceió”, aponta.

Rui cita, entre suas ações “o maior programa habitacional da história de Maceió: deixamos entregamos 10.700 casas, deixamos outras 6.000 em construção. Aliás, a atual gestão não conseguiu nesses 3 anos contratar uma única casa para Maceió, todas que estão sendo construídas foram contratadas na nossa gestão.”

Depois volto com outros pontos da entrevista, que você pode assistir neste link, na íntegra: https://www.youtube.com/watch?v=gn1Iiqj-G3o&t=167s