Imagem
Menu lateral
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

HOME > ALAGOAS

'Ele estava muito feliz', diz avó de vaqueiro morto eletrocutado

Morador de Minador do Negrão, jovem de 21 anos praticava vaquejada em Tocantins, quando morreu de choque elétrico


				
					'Ele estava muito feliz', diz avó de vaqueiro morto eletrocutado
Alagoano foi morto eletrocutado.

A avó de Esdras Soares Ferro, jovem de 21 anos que morreu eletrocutado, não conteve as lágrimas ao falar sobre a perda do neto. Djanira Gomes de Lima conta que o rapaz estava feliz, em uma competição de vaquejada, quando foi atingido por um choque elétrico, em Tocantins, no Norte do país. O corpo deve chegar a Alagoas no final da noite desta terça-feira (16) e será sepultado em Minador do Negrão, cidade sertaneja onde ele morava.

Segundo a avó de Esdras, em entrevista à TV Gazeta, o neto estava fazendo o que mais gostava e por isso sabia que ele estava feliz. Chorando, ela tenta mensurar a dor de perdê-lo.

Leia também

"E um momento muito difícil, é uma dor muito triste, porque eu não esperava um momento desse. Ontem falei com ele, ele muito feliz porque tinha ganhado uma vaquejada e já estava se organizando para passar para outra vaquejada. E muito feliz, muito feliz. De repente recebo a notícia que meu filho se acabou”, desabafa a avó.


				
					'Ele estava muito feliz', diz avó de vaqueiro morto eletrocutado
Avó de Esdras, Djanira Gomes de Lima chora ao falar do neto.. TV Gazeta

Heloísa Ferro, prima de Esdras, também não conseguiu segurar o choro ao falar do jovem. "É um menino que eu vi nascer, tinha ele como um filho. Me preocupava, sempre dizia para ele se cuidar, para ter cuidado, andar direito nessas vaquejadas. Infelizmente a gente perdeu ele. Estou sem chão”, afirma a prima.

Outra prima, Eduarda Ferro, fala da relação dela com Esdras. "Muito difícil. Eu amava muito ele. A nossa conexão era muito forte. Era tão forte, que ontem eu sonhei a noite toda com ele”, afirma.

Esdras Soares Ferro tinha 21 anos, era apaixonado por vaquejada e considerado um vaqueiro em ascensão, conquistando vitórias no esporte. Ele participava, inclusive, de uma das competições na cidade de Augustinópolis, no Tocantins, quando o incidente aconteceu.


				
					'Ele estava muito feliz', diz avó de vaqueiro morto eletrocutado
Esdras Soares Ferro tinha 21 anos, era apaixonado por vaquejada e considerado um vaqueiro em ascensão, conquistando vitórias no esporte.. TV Gazeta

Após sair da partida, Esdras manuseava a passarela do caminhão para o cavalo descer, quando recebeu uma descarga elétrica e ficou grudado ao veículo. Morreram ele e o animal.

O sepultamento irá ocorrer nesta quarta-feira (17), em Minador do Negrão, e contará com homenagem de amigos do esporte.

*Com TV Gazeta

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na App Store

Relacionadas