Para 2º turno, 1.418 urnas começam a ser distribuídas pela capital neste sábado

Segundo turno da eleição com abstenção recorde contará ainda com 5600 mesários e mais de mil agentes da segurança pública

Na manhã deste sábado (28), 1.418 urnas devem ser distribuídas em 212 locais de votação na capital alagoana, segundo o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL). O segundo turno da votação, que ocorre neste domingo (29) deverá decidir quem será o próximo prefeito da capital alagoana, Alfredo Gaspar de Mendonça (MDB) ou JHC (PSB).
Será possível votar a partir das 7h da manhã às 17h, mas até 10h serão preferenciais para maiores de 60 anos, mas nenhum eleitor será impedido de votar em qualquer horário. O resultado deve sair nas horas seguintes e será possível acompanhar a cobertura das eleições e a contagem em tempo real na Gazetaweb
As 1.418 urnas nos 212 locais de votação serão supervisionadas por 5.600 mesários na capital, com mais de mil agentes da segurança pública atuando em uma operação integrada que se inicia já no sábado (28).
Nos locais de votação, será obrigatório o uso de máscaras, com disponibilização de álcool em gel. O distanciamento social estará presente, o que implica em mudanças já vistas no 1º turno, como a dispensa de biometria. A justiça eleitoral recomenda que o eleitor leve a própria caneta para assinar a frequência que substituirá a verificação por impressão digital.
Um quarto do eleitorado de Maceió não compareceu a eleição no primeiro turno, uma abstenção que não era vista desde, pelo menos, o ano de 2000. Nulos, brancos e abstenções somaram 210.580 eleitores, mais do que qualquer um dos dois candidatos que vieram para o segundo turno.