Preso em Sergipe suspeito de matar policial militar em Arapiraca

Charles Micael estava na Polícia Militar desde 2018, quando se formou; ele era casado e tinha dois filhos, um com dois anos e outro com quatro

Uma operação realizada pela Secretaria de Segurança Pública de Sergipe resultou, na manhã desta quarta-feira (21), na prisão de um dos suspeitos de matar o soldado Charles Micael Vieira da Silva, da Polícia Militar de Alagoas(PM/AL), no dia 17 de julho. O PM tinha 32 anos e foi atingido por um disparo de arma de fogo após um assalto.

Ele estava na Polícia Militar desde 2018, quando se formou. Charles também era casado e tinha dois filhos, um com dois anos e outro com quatro.

De acordo com a secretaria, as autoridades sergipanas foram informadas pelo núcleo de inteligência da Polícia Militar de Alagoas sobre um foragido da Justiça alagoana, que estaria indo para o estado de São Paulo em ônibus comercial, O veículo passaria pelo um trecho sergipano da BR-101.

De imediato, uma operação conjunta foi deflagrada, envolvendo militares do 2° BPM e agentes da Delegacia de Propriá. Com base nas informações e fotografias enviadas pela PM alagoana, o suspeito foi identificado e detido em ponto de apoio do ônibus, na entrada de Propriá.

Logo após a prisão, o suspeito foi entregue às autoridades alagoanas para que sejam tomadas as devidas providências legais.

*Com Ascom SSP/SE.