Dupla presa por cultivar maconha alega que droga seria usava por seita religiosa

Além da plantação, os agentes apreenderam sementes e uma balança de precisão

Dois homens foram presos, nesta quinta-feira (15), por suspeita de tráfico de drogas, no município de Paripueira, no interior de Alagoas.

Segundo informações da Polícia Civil de Alagoas (PC/AL), a dupla cultivava vários pés de maconha em uma residência. A denúncia recebida pelos agentes informava que o local teve uma grande movimentação para a compra do entorpecente.

Em depoimento à polícia, os suspeitos alegaram que as pessoas que estiveram no local fazem parte de uma seita religiosa. Sendo assim, a plantação seria utilizada para a preparação de um chá, que deveria ser consumido pelos membros do grupo.

Além da plantação, os agentes apreenderam sementes e uma balança de precisão.

O material e a dupla foram encaminhados à Central de Polícia Civil, onde permanecem à disposição da Justiça.