Imagem
Menu lateral
Imagem
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3

Imagem
Menu lateral Busca interna do GazetaWeb
Imagem
GZT 94.1
GZT 101.1
GZT 101.3
MIX 98.3
X
compartilhar no whatsapp compartilhar no whatsapp compartilhar no facebook compartilhar no linkedin
copiar Copiado!
ver no google news

Ouça o artigo

Compartilhe

Desidratados e sem comida: operação flagra maus-tratos contra idosos

Uma das residências alvo da ação já tinha recebido cinco denúncias; duas pessoas foram encamninhadas para a delegacia


				
					Desidratados e sem comida: operação flagra maus-tratos contra idosos
Idosa apresentava com indícios de desidratação e desnutrição. Ascom SSP/AL

Durante operação, as equipes da Secretaria de Estado da Segurança Pública e das Bases Comunitárias da Polícia Militar registraram dois casos de negligência contra idosos, nos municípios de Porto Calvo e Ibateguara, em Alagoas. A ação, denominada como Virtude, começou na última segunda-feira (10) e segue até o fim da semana.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o primeiro caso foi flagrado na Rua Jorge Alves Cordeiro, no bairro Mangazala, em Porto Calvo. A residência em questão já tinha recebido cinco denúncias.

Leia também

"Ao chegar ao imóvel, os policiais verificaram que uma senhora de 73 anos estava sozinha deitada numa cama com comida estragada ao redor. A sobrinha da idosa, de 43 anos, chegou logo depois se apresentando como a responsável pela mulher. Ela possuía os cartões de benefício da vítima", informou o órgão.

A idosa apresentava com indícios de desidratação e desnutrição, além de estar febril e debilitada. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e a encaminhou para o Hospital Municipal São Sebastião.

Já a sobrinha da mulher foi conduzida ao Centro Integrado de Segurança Pública de Matriz de Camaragibe. Um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) foi lavrado por expor a perigo a integridade e a saúde física ou psíquica da pessoa idosa,

O Centro de Referência de Assistência Social (Creas) da cidade foi informado e acompanhará a situação da paciente.

Em Ibateguara, um homem de 51 anos foi levado à 11ª Delegacia Regional de Polícia (DRP), em União dos Palmares, após confessar que havia retido o cartão bancário da própria mãe e não prestava assistência devida. A idosa de 71 anos foi encontrada em sua residência, localizada na Rua Benedito Alves, no Centro, durante verificação de denúncia recebida através do Disque-denúncia, o 181.

O sargento Pedro Costa, que comandou a guarnição, relatou que a mulher informou que há quatro meses vivia recebendo a assistência de vizinhos, tendo em vista que não mantinha contato com os oito filhos.

“Uma pessoa de confiança recebia benefício dela e pagava suas contas, lhe dando os mantimentos necessários. No entanto, após a chegada do filho, que veio de São Paulo, ela disse que começou a não ter total assistência, faltando-lhe alimentação, produtos de higiene pessoal e outros itens. A única coisa que ele pagava era o aluguel da casa. Conversamos com alguns vizinhos que confirmaram o que ela disse. Diante disso, saímos em diligência e encontramos o infrator, que confessou a situação de desprezo pela genitora. Ele afirmou que não levava comida para a mãe por não ter tempo”, contou o militar.

O homem foi autuado por abandono de incapaz pela Polícia Judiciária, através de um TCO, mas foi liberado para responder pelo crime em liberdade.

*com informações da assessoria.

App Gazeta

Confira notícias no app, ouça a rádio, leia a edição digital e acesse outros recursos

Aplicativo na Google Play Aplicativo na App Store
Aplicativo na App Store

Relacionadas

X