Condenado a 13 anos de reclusão, professor acusado de estuprar criança de 7 anos é preso no Jacintinho

Vítima era aluna de reforço do homem de 47 anos, que já havia sido condenado pela Justiça, mas só agora foi preso

Um homem de 47 anos acusado de estuprar uma criança de sete anos foi preso, nessa quarta-feira (21), no bairro Jacintinho, em Maceió. Á época do crime, em outubro de 2007, ele trabalhava como professor de reforço da vítima.

Segundo a polícia, o acusado foi condenado a 13 anos de prisão pelo crime, mas somente agora foi expedido seu mandado de prisão com a conclusão do processo.

“As investigações realizadas na época dos fatos pela Polícia Civil revelam que o condenado era professor de reforço da criança e esta chegou em casa e contou para a tia que o professor era muito safado e que havia colocado o dedo em sua vagina. Ele vinha sendo processado desde então e agora foi preso para cumprir a sentença”, explicou o delegado da Divisão Especial de Investigações e Capturas (Deic), Sidney Tenório.

Ainda de acordo com a polícia, o homem foi encontrado na residência onde mora, não reagiu a prisão e foi conduzido para a sede da Deic. Logo após, ele foi encaminhado à Central de Flagrantes.

“Importante que ele seja preso até para mostrar a comunidade que temos leis penais duras e que precisam ser respeitadas. Infelizmente, temos leis que tornam o processo longo demais por mais eficiente que sejam os órgãos que atuam no caso”, afirmou o delegado.

Sidney Tenório orientou ainda aos pais e familiares de crianças e adolescentes que observem o comportamento deles e cuidem para evitar casos de abuso sexual. “É sempre bom fazer uma pesquisa para saber quem é a pessoa e prestar a atenção na vítima porque ela dará sinais que tá sendo abusada”, concluiu.

*com informações da assessoria.