Vigilância Sanitária apreende 300kg de carne estragada em Maceió

Alimentos seriam ofertados aos consumidores, mesmo fora da validade

Uma fiscalização da Vigilância Sanitária de Maceió, realizada neste sábado (10), resultou na apreensão de 300 kg de carnes que estavam fora do prazo de validade, mas que mesmo assim seriam ofertadas aos consumidores. A ação aconteceu em um supermercado e em um frigorífico, localizados no conjunto Benedito Bentes 2.

As equipes, que foram acompanhadas por agentes da Guarda Municipal. inspecionaram as câmaras frias dos estabelecimentos e constataram as irregularidades que colocavam em risco a saúde da população. O material foi imediatamente retirado, pesado e levado para o aterro sanitário, onde será descartado.

Os proprietários foram notificados e orientados para regularizar a situação imediatamente. O supermercado e o frigorífico também serão multados. O valor pode variar entre R$ 180 e R$ 19 mil, a depender da infração cometida.

De acordo com o coordenador-geral da Vigilância Sanitária de Maceió, Airton dos Santos, o órgão apreendeu, desde fevereiro deste ano, 24 toneladas de alimentos estragados e/ou fora da validade em diversos estabelecimentos. Deste total, 16 toneladas foram de carnes e 8 toneladas de produtos não perecíveis.

"O trabalho continua incansavelmente para eliminar, de uma vez por todas, o risco sanitário que estes produtos estragados e fora da validade podem causar aos consumidores”, destacou Airton dos Santos.

*Com informações da assessoria da Secretaria Municipal de Saúde de Maceió

Receba notícias da GazetaWeb no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo! Basta acessar a nossa comunidade:

https://4et.us/rvw00p