Mulher encontrada morta em córrego tinha 27 anos e era natural de Arapiraca

Vítima foi morta por arma branca, aponta Polícia Científica

A mulher que foi encontrada morta dentro de um córrego na Avenida Senador Rui Palmeira, no bairro da Levada em Maceió, foi identificada como sendo Valéria Miguel dos Santos. De acordo com a Polícia Científica, que realizou a identificação, a mulher tinha 27 anos. O cadáver foi achado nesta quarta-feira (5).

Ainda segundo a Polícia Científica, Valéria era natural de Arapiraca, mas atualmente morava no bairro do Bom Parto, parte baixa de Maceió.

O exame de necropsia realizado pelo Instituto de Medicina Legal Estácio de Lima confirmou que a vítima foi morta por arma branca.

Já no local, conforme informou a perícia, não foram encontradas marcas de disparos de arma de fogo, mas havia sinais de perfuração por arma branca no corpo e manchas de sangue na calçada e na tubulação que corta o córrego, o que deverá ajudar a polícia nas investigações.

A família já foi comunicada, compareceu ao IML e fez a liberação do corpo para sepultamento.