Justiça determina retorno do prefeito de Tanque D'Arca ao cargo

Prefeito estava afastado do cargo desde agosto de 2015, suspeito de irregularidades em pagamentos de obras no município

O prefeito do município de Tanque D'Arca, que estava afastado das atividades desde agosto de 2014, foi autorizado a retornar ao cargo, após decisão judicial, publicada nesta quinta-feira (11), no Diário da Justiça Eletrônico (DJE). 
Roney Tadeu Valença Silva (PMDB), estava afastado do cargo desde agosto de 2014. A decisão, assinada pelo juiz Hélio Pinheiro Pinto, da comarca de Anadia, é justificada pelo magistrado. "Já se expirou o prazo de 180 dias, fixado na decisão para o afastamento do réu do cargo de Prefeito Municipal. Assim, determino a reintegração do demandado ao cargo [...] salvo se por outro motivo deva ele permanecer afastado", declara o juiz.
Em agosto de 2014, o prefeito de Tanque D'Arca foi afastado do cargo por 180 dias, por determinação da justiça. Ele é suspeito de participação num esquema de superfaturamento, envolvendo obras de uma creche e uma quadra no município. Os valores pagos pelos cofres públicos na época, totalizaram cerca de um milhão de reais. 
Além do afastamento, a justiça também determinou, na ocasião, o bloqueio de bens e valores de Roney Valença, equivalentes aos danos causados ao erário., estimado em cerca de R$ 133 mil. A Gazetaweb tenta contato com o prefeito.