Grupo se perde em trilha e é resgatado por helicóptero em Pão de Açúcar-AL

Dois casais e uma criança de 5 anos solicitaram resgate direto de uma serra no povoado de Meirús

O Corpo de Bombeiros Militar (CBM) de Santana do Ipanema resgatou, na tarde dessa terça-feira (12), um grupo de 5 pessoas que haviam ido fazer uma trilha na Serra de Meirús, localizada no povoado de Meirús, no município de Pão de Açúcar, Alto Sertão do estado. O resgate aéreo foi feito após três dos integrantes do grupo se separarem e se perderem durante o passeio. Outra equipe terrestre também foi mobilizada para localizar o restante do grupo.
Segundo informações da assessoria de comunicação dos bombeiros, dois casais e uma criança de 5 anos se deslocaram de Maceió até o município de Pão de Açúcar, já na manhã de ontem, na intenção de visitar a serra, e iniciaram a trilha a pé, por volta das 9 horas. Devido ao cansaço, uma das mulheres parou, junto à criança. Mãe e filha decidiram aguardar ali enquanto os demais integrantes finalizassem o caminho e retornassem. 
O pai seguiu, junto com o outro casal, e completaram o percurso. No entanto, na volta, eles se afastaram da trilha e, exaustos e desidratados, não tiveram condições de retomar o caminho. Devido ao avanço do horário, o grupo entrou em contato com o Corpo de Bombeiros, solicitando resgate.
Como estavam em local de difícil acesso, a equipe de salvamento solicitou auxílio do grupamento aéreo do 3º Batalhão de Polícia Militar (3º BPM), em Arapiraca.
Com a ajuda do GPS de um dos resgatados, que estava com internet móvel e compartilhou sua localização com a equipe, um dos casais pôde ser encontrado, atendido e resgatado no helicóptero. 
A central do Posto de Santana de Bombeiros de Ipanema manteve contato constante com o solicitante, monitorando a situação do grupo.
O outro integrante, que estava junto do casal resgatado, decidiu seguir sozinho para tentar voltar para a trilha e encontrar a mulher e a criança, sua esposa e filha, que estavam aguardando os 3 retornarem, antes que o resgate aéreo chegasse. Ele conseguiu encontrá-las e enviou a localização para a central, bastante debilitado. 
Como já estava anoitecendo, não sendo possível continuar o resgate com a equipe aérea, uma guarnição do posto de bombeiros de Santana foi acionada para finalizar o resgate a pé. A família foi achada pelos bombeiros às 18 horas.
Todos os resgatados estavam bastante debilitados e desidratados. No entanto, após o processo de hidratação e condução do grupo até um local seguro, não foi necessário encaminhá-los para apoio médico/hospitalar.