Foragidos há nove anos, mãe e filhos acusados de homicídio são presos em União

Segundo a polícia, a motivação do crime seria uma disputa pelo patrimônio da vítima

Três pessoas- sendo mãe e dois filhos - acusadas de matar um homem a pauladas e enterrar o corpo em cova rasa, em 2012, na cidade de Marechal Deodoro, foram presas nessa quarta-feira (28), após cumprimento de mandado expedido pela Justiça. A prisão, nove anos após o crime, ocorreu no município de União dos Palmares.

Durante a ação, uma mulher de 62 anos, a filha dela de 31 anos e o filho de 35 anos foram presos. Eles são acusados de participarem da morte de José Adeílson Batista, ocorrido no Povoado Bosque da Massagueira. A vítima foi morta a pauladas, enterrada em cova rasa e o corpo foi encontrado 48 horas depois do crime por seus familiares.

De acordo com as informações do chefe de operações do 17ºDP, Antônio Augusto, o crime se deu por disputa patrimonial.

O cumprimento dos mandados de prisão ocorreu na quarta-feira, 28. Os três estão presos no Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) de Marechal Deodoro. Após a realização dos trâmites legais, eles serão encaminhados ao sistema prisional de Alagoas e ficaram à disposição da Justiça.