Coruripe inicia vacinação contra a Covid-19 de pessoas entre 54 e 56 anos a partir deste sábado

A partir desta fase, a imunização ocorrerá em um ponto fixo devido à exigência para acondicionar o imunizante da Pfizer

A Prefeitura de Coruripe inicia, a partir deste sábado (12), a imunização contra a Covid-19 de pessoas com 54, 55 e 56 anos. A partir desta fase, a vacinação ocorrerá em um ponto fixo, na Academia de Saúde da UBS Rubem Wanderley, situada no Barro Preto II. O ponto fixo foi instalado em função da exigência para acondicionar o imunizante da Pfizer. O horário será das 9h às 16h.

Neste sábado (12), as pessoas com 56 anos começam a ser imunizadas. Já no domingo (13) é a vez das pessoas com 55 anos, enquanto, na segunda (14), serão vacinadas as pessoas com 54 anos.

O secretário de Saúde, Pedro Madeiro, evidenciou a relevância da chegada do novo imunizante em Coruripe e solicitou para que a população não deixe de se vacinar. “Estamos avançando com a vacinação em Coruripe com a chegada da Pfizer. É muito importante que a população vá se vacinar porque apenas a vacina é capaz de frear esse vírus. Então não deixem de vacinar e quem tem mais de 56 anos e ainda não vacinou, pode ir até o nosso ponto fixo e tomar a vacina”, relatou o secretário.

Para aplicar as vacinas da Pfizer, a equipe de enfermagem de Coruripe passou por uma qualificação, que foi realizada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). Com o imunizante, o município já iniciou a vacinação dos trabalhadores das Usinas Coruripe e Pindorama, encerrando as etapas dos grupos prioritários.

A Pfizer carece de um armazenamento e manejo diferentes das vacinas CoronaVac e AstraZeneca e, portanto, exige um ponto fixo de vacinação, não podendo ser habilitada para a forma itinerante.

“Por isso esse treinamento é muito importante, pois visa tornar os profissionais do nosso município apto para a administração do imunizante Pfizer e, assim, reforçar o atendimento necessário para a campanha de vacinação contra a Covid-19 em Coruripe”, salientou a coordenadora da Vigilância, Gilvana Xavier.

*com informações da assessoria de imprensa.