Reeducando de 62 anos é agredido dentro do sistema prisional; OAB acompanha o caso

Preso sofreu diversas lesões pelo corpo; agente penitenciário teria sido o autor das agressões

Uma denúncia aponta que um reeducando de 62 anos teria sofrido agressões dentro do sistema prisional de Alagoas. A Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB-AL), por meio da Comissão de Direitos Humanos, está acompanhando o caso.

Segundo a denúncia, o reeducando teria supostamente sofrido diversas lesões pelo corpo, decorrente de um espancamento por um agente penitenciário em uma das unidades prisionais.

A Comissão esteve no local e diversos hematomas foram constatados no corpo da vítima. Conforme explicou a presidente da Comissão, Anne Caroline Fidelis, todos os encaminhamentos foram realizados.

“A CDH está acompanhando o caso, esteve no Sistema Prisional e diversos encaminhamentos aos órgãos e autoridades competentes foram efetuados. O objetivo é assegurar a colheita de elementos para apuração e esclarecimento dos fatos”, pontuou Anne Caroline.