Covid: Alagoas tem mais 475 casos e 20 óbitos em 24 horas, revela Sesau

Com isso, o estado passa a contabilizar 4.054 óbitos pela doença desde o início da pandemia; há, atualmente, 9.952 casos em investigação laboratorial

Alagoas registrou 475 novos casos e mais 20 mortes por Covid-19 em 24 horas, conforme Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) nesta quinta-feira (22). Com isso, o estado passa a contabilizar 4.054 óbitos pela doença desde o início da pandemia. No total, Alagoas tem 168.747 casos confirmados do novo coronavírus até o momento, dos quais 3.059 estão em isolamento domiciliar. Outros 160.829 pacientes já finalizaram o período de isolamento, não apresentam mais sintomas e, portanto, estão recuperados da doença. Há, atualmente, 9.952 casos em investigação laboratorial.

No boletim desta quinta-feira, mais 20 mortes foram confirmadas, laboratorialmente, por causa do novo coronavírus, sendo 11 vítimas da capital alagoana e nove do interior do Estado. As vítimas de Maceió eram seis homens de 46, 50, 57, 65, 83 e 89 anos, além de cinco mulheres de 42, 51, 55, 62 e 66 anos. Desse total, sete não tinha nenhum tipo de comorbidade, conforme informações da Sesau.

Os casos confirmados de pessoas com a Covid-19 estão distribuídos nos 102 municípios alagoanos. Em relação ao quadro total de óbitos em Alagoas, estão confirmados 4.054 óbitos por Covid-19, mas, oito deles, eram de pessoas residentes em Pernambuco, São Paulo, Santa Catarina e Bahia, tendo como vítimas seis homens e duas mulheres.

Dos 4.046 óbitos de pessoas residentes em Alagoas, 2.261 eram do sexo masculino e 1.785 do sexo feminino. Eram 1.868 pessoas que residiam em Maceió e as outras 2.178 moravam no interior do Estado, segundo o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs), da Sesau.

Leitos de Covid-19 do Estado

Dos 1.405 leitos criados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) para atender, exclusivamente, pacientes com suspeita e confirmação de infecção pelo novo coronavírus, 758 estavam ocupados até às 16 horas da quarta-feira (21), o que corresponde a 54% do total. Atualmente, 310 pacientes estão em leitos de UTI, 11 ocupando leitos intermediários e 437 em leitos de enfermaria.