Torcida organizada do Santos convoca vigília em apoio a Pelé

A iniciativa partiu da Torcida Jovem do Santos, que planeja reunir torcedores no Hospital Albert Einstein, onde o Rei está sendo tratado

As lideranças da Torcida Jovem do Santos convocaram os torcedores alvinegros para demonstrar apoio a Pelé, ídolo máximo do clube, na porta do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, neste domingo (4/12).

“Quem é Rei nunca perde a majestade! A Torcida Jovem do Santos convoca nossos associados, santistas em geral e amantes do futebol para comparecer no domingo (4/12) a uma vigília para demonstrarmos apoio e fé na recuperação de Rei Pelé”, diz a nota, que está circulando através dos grupos de WhatsApp entre torcedores santistas.

Pelé está internado e, segundo a Folha do S. Paulo, ele não estaria mais respondendo à quimioterapia no tratamento de um câncer no cólon.

Ainda segundo a Folha, o ex-jogador está sob cuidados paliativos exclusivos, que visam oferecer conforto, qualidade de vida e aliviar o sofrimento de um paciente com uma doença incurável. Nessa sexta, o Hospital Albert Einstein divulgou uma nota informando que o Rei também está com uma infecção respiratória.

“Edson Arantes do Nascimento foi internado no Hospital Israelita Albert Einstein na última terça-feira (29) para uma reavaliação da terapia quimioterápica do tumor de colón identificado em setembro de 2021.

A equipe médica diagnosticou uma infecção respiratória, que vem sendo tratada com antibióticos. A resposta tem sido adequada e o paciente, que segue em quarto comum, está estável, com melhora geral no estado de saúde.

O ex-jogador continuará internado nos próximos dias para continuidade do tratamento.”

Pelé também foi diagnosticado com um quadro de anasarca (inchaço generalizado), síndrome edemigêmica (edema generalizado) e insuficiência cardíaca descompensada.